Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Presidente Nacional do IAB fala sobre o a criação do Conselho de Arquitetura

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Prezados colegas, O Anteprojeto de Lei que Regulamenta a Arquitetura e Urbanismo no Brasil e cria o Conselho de Arquitetura e Urbanismo (APL/CAU) foi publicado no Diário do Senado Federal como o Projeto de Lei nº 347/2003 de autoria do Senador José Sarney, Presidente do Congresso Nacional. O PL 347/03 encontra-se hoje na Comissão de Assuntos Sociais do Senado Federal, tendo sido designada Relatora a Senadora Roseana Sarney. Inicia-se, assim, um novo capítulo na cinquentenária luta dos arquitetos brasileiros em busca da autonomia no gerenciamento de seu exercício profissional e sua equiparação às demais profissões no Brasil e à Arquitetura no restante do mundo. A iniciativa do Senador Sarney antecipou em um mês o calendário planejado pelo Colégio Brasileiro de Arquitetos, segundo o qual utilizaríamos o mês de setembro para os últimos contatos e apresentação do APL/CAU a outras autoridades da República; para a realização do Encontro Nacional dos Sindicatos de Arquitetos; para as manifestações das Câmaras de Arquitetura dos Crea’s (já há quatro, todas unânimes e favoráveis ao CAU: DF, RN, SP e MS) e, finalmente, para o seu encaminhamento formal ao Governo Federal no final de setembro. Entretanto, após a leitura do APL/CAU, entendeu o Presidente do Congresso Nacional:
– que o texto original é avalisado pelas cinco entidades que assinam sua apresentação;
– que o Congresso Brasileiro de Arquitetos, fórum maior de decisão da arquitetura nacional, manifestou-se inequívocamente a favor da criação do Conselho de Arquitetura e Urbanismo;
– que concordava com a proposta e que a considera positiva para a Cultura nacional e
– que o atual momento é o mais propício para a discussão e aprovação do PL. De fato, o assunto vem sendo amadurecido desde que o XV Congresso Brasileiro de Arquitetos (Curitiba,1997) recomendou a união das entidades nacionais de arquitetos para a elaboração de uma proposta consensuada de Projeto de Lei para a regulamentação da profissão. Desde então, houve a formação do Colégio Brasileiro de Arquitetos (São Paulo, 1998); inúmeras reuniões dos conselhos superiores das entidades e destas entre si; seminários, debates, entrevistas, artigos publicados sobre o tema em todos os veículos de informação da área da Arquitetura; o referendo das ações realizadas pelas entidades, até então, no XVI Congresso Brasileiro de Arquitetos (Cuiabá, 2000); o Ato Público para a apresentação da proposta de Anteprojeto de Lei do CBA (São Paulo, 12/2002), com enorme e completa cobertura pela mídia especializada; a consagradora aprovação do Anteprojeto de Lei para a Criação do Conselho de Arquitetura e Urbanismo no XVII Congresso Brasileiro de Arquitetos (Rio de Janeiro, 2003). Foram seis anos de trabalho tenaz, transparente e democrático, realizado por dezenas de representantes das cinco entidades – IAB, FNA, AsBEA, ABEA e ABAP – , com o acompanhamento da FENEA e da CNCEArq e a consultoria jurídica de um dos mais respeitados advogados constitucionalistas do Brasil, o Dr. Miguel Reale Jr.
Por outro lado, já se detectam as reações esperadas e precisaremos atuar de forma aplicada, inteligente e organizada, para fazer frente à truculência e ao poder político e econômico que será mobilizado em oposição aos interesses dos arquitetos.
Nesta semana, o CBA se reunirá em Brasília e buscaremos manter a categoria informada e articulada para a ação necessária. Manifestações nas Conferências das Cidades; declarações das CEArq’s, dos departamentos do IAB, dos sindicatos estaduais, das seções locais das entidades, das Faculdades de Arquitetura e Urbanismo, das lideranças profissionais e acadêmicas, da estudantada, serão efetivamente necessárias e deverão ocorrer de maneira orquestrada, como fizemos à época da discussão do Estatuto das Cidades no Congresso Nacional.
É o momento para a união de todos os arquitetos brasileiros em torno de suas representações eleitas, manifestando a confiança na responsabilidade, no discernimento e nos superiores desígnios que moveram os colegas nomeados pelas cinco entidades nacionais de arquitetos para representá-las no Colégio Brasileiro de Arquitetos. Hora para a coragem, para a superação dos receios e dos pensamentos conservadores que nos rondam em situações de mudança, como esta. Ocasião para a demonstração definitiva da altivez da Arquitetura Brasileira e exigência de respeito para com a sua História.
Se me permitem um instante de descontração, concluo parafraseando o colega Carlos Fernando Andrade, Presidente do IAB/RJ e membro do Comitê Executivo do Colégio Brasileiro de Arquitetos – “347/03: chegou a nossa vez!”
Cordialmente,
Haroldo Pinheiro Villar de Queiroz
Presidente Nacional do IAB

IAB - RS

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

COMUNICADO DO IAB RS SOBRE O ESTADO DE CALAMIDADE CLIMÁTICA

O momento é grave e compreendemos que enquanto Instituto temos um trabalho de articulação de impacto a médio prazo, sendo provocadas e estruturadas redes que auxiliem nas questões habitacionais e de reestruturação das cidades, com projetos que considerem os riscos e impactos que os eventos climáticos tem gerado em nossas cidades, de modo mais frequente e de maior intensidade. Compreendendo a sensibilidade das questões ambientais, com a natureza impondo seus limites, frente às ocupações urbanas.

Leia Mais →

Nota pública em apoio às familias atingidas pelas enchentes no RS

O IAB-RS manifesta solidariedade às famílias atingidas pelas inundações e enchentes no Rio Grande do Sul. Os eventos de chuvas extremas estão se mostrando uma realidade com recorrência no nosso estado. O momento pede a soma de esforços de todos os setores da sociedade para ajudar aqueles que estão em situação de vulnerabilidade.

Leia Mais →

Outras Notícias

IAB RS participa da 178ª reunião do COSU

O correu em Aracaju, nos dias 22 e 24 de abril, o 1º Seminário Nacional de Arquitetura e Urbanismo do estado de Sergipe (ArqUrb.SE). Na sequência, entre os dias 25 e 27 de abril, foi realizada a 178ª Reunião do Conselho Superior do IAB (COSU), com abrangência nacional. Os dois eventos foram promovidos pelo Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento Sergipe (IAB-SE) com apoio do IAB Nacional. O IAB RS esteve presente na reunião.

Leia Mais →

Primeira fase da requalificação da Avenida 25 de Julho em Flores da Cunha iniciará em maio

Flores da Cunha de cara nova: a partir do mês de maio, a principal via da cidade – que conecta o município de norte a sul – será requalificada. A iniciativa da administração municipal iniciou ainda em 2021, com o lançamento do Concurso Público Nacional “Avenida 25 de Julho”, realizado em parceria com o IAB RS, e apoio do CAU/RS e da ABAP, e resultou em um novo projeto estético e funcional para a Avenida 25 de Julho. Em função das chuvas, a prefeitura informou que a cerimônia de início da obra, com o lançamento da Pedra Fundamental, foi adiada, e nova data será divulgada em breve.

Leia Mais →

50 anos do retorno da democracia em Portugal e colônias africanas é celebrado com exposição no IAB RS

Em 25 de abril de 1974 Portugal retomava o regime democrático, após um longo período de ditadura iniciada em 1933. A chamada Revolução dos Cravos é relembrada, 50 anos depois, por meio de uma exposição organizada pelo Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento Rio Grande do Sul (IAB RS) e a ADUFRGS Sindical, com apoio do Consulado Português, e curadoria de Airton Cattani e Daniela Fialho, que colecionou 47 cartazes de manifestações distribuídos nas ruas no período da revolução. A exposição segue aberta no Solar do IAB (Rua General Canabarro 363, Centro Histórico, em Porto Alegre), com visitação gratuita de segunda a sexta-feira, das 10h às 12h, e das 14h30 às 17h, até o dia 24 de maio.

Leia Mais →

Na mídia: Diretora adjunta de comunicação do IAB RS, Karolina Silva participou de bate-papo sobre mobilidade e mudanças climáticas, na TVE

O tema mobilidade urbana e mudanças climáticas, cada vez mais urgente em todas as esferas de debate, foi tema do programa Rodar, da TVE RS, apresentado por Pati Salvadori, na noite do dia 25 de abril. O bate-papo contou com a presença da diretora de comunicação adjunta do IAB RS, karolina Silva, e da ciclista e ativista Carol Strüssmann.

Leia Mais →