Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Arquitetos lançam livro sobre os impactos da urbanização contemporânea no Brasil

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Os arquitetos Júlio Celso Vargas, Tiago Holzmann da Silva e Andrea Kern lançaram na noite d quarta-feira (17/05), Solar do IAB RS o livro “Efeitos da Arquitetura: os impactos da urbanização contemporânea no Brasil”. A publicação da editora FRBH teve origem no Simpósio “Efeitos da Arquitetura” realizado na Universidade Federal Fluminense (UFF) e foi organizado pelos arquitetos e urbanistas Vinicius Netto, Renato T. de Saboya, Julio Celso Vargas e Thereza Carvalho.

A obra apresenta capítulos de estudos e reflexões sobre a transformação silenciosa do espaço urbano e de suas manifestações nos cotidianos. Os autores abordam o tecido da arquitetura comum, que constitui nossas ruas, bairros e cidades, que segue sendo transformado a partir de imposições de introversão dos espaços, padronizações estereotipadas e irracionalidades ligadas ao medo e à rejeição do outro.

O capítulo “A cidade como resultado: Consequências de escolhas arquitetônicas” foi escrito por Vinicius M. Netto. Os Fatores morfológicos da vitalidade urbana são abordados por Renato T. de Saboya. Júlio Celso Vargas escreve o capítulo “Forma urbana e transporte a pé”. A Utopia no cotidiano: espaço público, desejo e fruição na formação da cidade é tema do capítulo de Thereza Carvalho.
 


Eugênio Queiroga aborda o tema “Lugares Públicos. Circe Monteiro e Rafaella Cavalcanti apresentam o capítulo “Perfis Espaciais Urbanos para avaliação de lugares vulneráveis ao crime”. A Arquitetura, espaço urbano e criminalidade são temas desenvolvidos por Mariana Vivan e Renato T. de Saboya.  Eduardo Marques apresenta na obra o tema “Em busca dos mecanismos relacionais nas redes sociais de indivíduos pobres”.

Os Impactos de complexos Habitacionais do PMCMV, são abordados no capítulo de Vinicius M. Netto e colegas. Adauto Cardoso e Samuel Jaenisch apresentam o capítulo “Nova política e velhos desafios”. A Habitação de interesse social: relações entre o tipo arquitetônico dos empreendimentos e impactos ambientais, são temas abordados por Andrea Kern e colegas. Rita Montezuma apresenta os “Impactos da produção da forma urbana sobre o meio ambiente”. Frederico de Holanda escreve o capítulo “O mundo das miudezas”. Já o tema “Por um Projeto de Cidade” é desenvolvido por Tiago Holzmann da Silva.

COMO COMPRAR O LIVRO?
Onde: Secretaria do IAB RS (Rua General Canabarro 363, Centro Histórico de Porto Alegre
Valor do livro: R$ 49,00
Informações: (51) 3212.2552 ou iabrs@iabrs.org.br

IAB - RS

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Nota pública: Suspensão da urbanização da Fazenda do Arado

A fazenda do Arado é patrimônio ambiental, arqueológico, histórico, cultural, arquitetônico e paisagístico de Porto Alegre, constituindo-se de uma zona primordial para manutenção de espécies da fauna e da flora, sujeita a enchentes e alagamentos por encontrar-se abaixo da cota de inundação do Guaíba. A zona serve como espaço de extravasamento natural do Guaíba, importante de ser preservado. O IAB RS reitera a necessidade de atenção máxima por parte dos governantes, sociedade civil, entidades e instituições às questões ambientais e suas relações com a cidade.

Leia Mais →

Na mídia: IAB RS participa de reportagem da Folha de São Paulo sobre reconstrução do RS

A copresidente do IAB RS, Clarice Misoczky de Oliveira, concedeu entrevista para reportagem da Folha de São Paulo. O ponto central foi a reconstrução do RS. “A questão habitacional é mais dramática. Há municípios no Vale do Taquari, como Muçum e Roca Sales, que se desenvolveram em áreas de encostas. Cidades como Santa Tereza em que parte das casas estão em áreas de inundações. Precisamos construir com segurança”, disse.

Leia Mais →

MANIFESTO IAB RS PARA A RECONSTRUÇÃO DO RS

Considerando a enorme tragédia causada pelos efeitos da crise climática e pelo descaso do poder público com o planejamento urbano e regional sustentável na promoção de cidades justas, igualitárias e ecologicamente  equilibradas, a Comissão Cidades/IAB RS, por meio deste, manifesta a necessidade de atenção às questões referentes às diferentes escalas de planejamento, arquitetura e urbanismo para reconstrução das cidades do Rio Grande do Sul, aqui agrupadas em dois grandes grupos: (A) Planejamento Urbano e Regional e (B) Moradia Digna.

Leia Mais →

Outras Notícias

COMUNICADO DO IAB RS SOBRE O ESTADO DE CALAMIDADE CLIMÁTICA

O momento é grave e compreendemos que enquanto Instituto temos um trabalho de articulação de impacto a médio prazo, sendo provocadas e estruturadas redes que auxiliem nas questões habitacionais e de reestruturação das cidades, com projetos que considerem os riscos e impactos que os eventos climáticos tem gerado em nossas cidades, de modo mais frequente e de maior intensidade. Compreendendo a sensibilidade das questões ambientais, com a natureza impondo seus limites, frente às ocupações urbanas.

Leia Mais →