Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Casa cheia no debate sobre Economia Criativa e Gentrificação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Na última quarta-feira (03/08) o Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB RS) promoveu o debate “Economia Criativa x Gentrificação”. O evento gratuito ocorreu  no Ponto de Cultura Solar do IAB RS, com a participação de integrantes do Grupo de Pesquisa Identidade e Território (GPIT), da UFRGS; da economista e administradora Ana Carla Fonseca – doutora em Arquitetura e Urbanismo pela USP, com tese em cidades criativas;  e do arquiteto Carlos Ribeiro Furtado – especialista em habitação social pela University College London.
 
A mediação foi do arquiteto Leonardo Brawl Márquez – Co-Fundador do TransLAB – Instituto de Pesquisa em Inovação Social e integrante do NEC – Núcleo de Economia Criativa da Prefeitura de Porto Alegre.
 
O debate teve como proposta de trazer à luz a discussão de comportamentos, ocupações, coletivos, empoderamento do espaço público e demais novas construções de imaginários coletivos. 

Também foi abordado o campo do planejamento urbano em Porto Alegre, que vive um momento de boom por parte do poder público, academia, iniciativa privada e a sociedade civil com a questão dos "criativos".

SAIBA MAIS SOBRE OS PARTICIPANTES:

Ana Carla Fonseca – Possui graduação em Economia pela Universidade de São Paulo (1996), graduação em Administração Pública pela Fundação Getúlio Vargas – SP (1989), mestrado com distinção e louvor em Administração de Empresas pela Universidade de São Paulo (1997), MBA pela Fundação Dom Cabral (1999) e doutorado em Arquitetura e Urbanismo – FAU-USP (2011), com tese em cidades criativas. Liderou projetos regionais e globais por 15 anos, em marketing e gestão do conhecimento de multinacionais, na América Latina, em Londres e Milão. Desde 2004 é sócia-diretora da Garimpo de Soluções economia, cultura & desenvolvimento, empresa pioneira em economia, cultura e desenvolvimento. É consultora e conferencista internacional em cinco línguas, tendo palestrado sobre economia criativa, inovação e negócios, e cidades criativas em todos os estados brasileiros e em 21 países. Assessora em economia criativa para a ONU (UNCTAD e PNUD), curadora de congressos nacionais e internacionais, é consultora em economia criativa, cidades criativas e desenvolvimento para empresas, órgãos públicos e instituições. É autora de livros com sistematização de informações internacionais, como Marketing Cultural e Financiamento da Cultura (Cengage, 2002) e Economia da Cultura e Desenvolvimento Sustentável (Manole, 2006 – Prêmio Jabuti 2007 em Economia, Administração e Negócios). Concebeu, organizou e coeditou as antologias digitais globais Economia Criativa como Estratégia de Desenvolvimento (2008, trilingue, que alcançou 40 mil downloads em cinco meses), Creative City Perspectives (2009, congregando 18 autores de 13 países) e Cidades Criativas, Soluções Inventivas o papel da Copa, das Olimpíadas e dos museus internacionais (2010), além de ter coorganizado Economia da Cultura ideias e vivências (2009). Foi consultora para a América Latina e o Caribe para o Creative Economy Report 2008 e participou e/ou coordenou vários relatórios e reuniões internacionais da ONU, nas Américas, África, Ásia e Europa. É professora convidada do MBA em Bens Culturais da Fundação Getulio Vargas/SP e membro da Associação Internacional de Economia da Cultura (ACEI), da Associação Internacional de Desenvolvimento Urbano (INTA), do Laboratório Iberoamericano para Pesquisa e Inovação em Cultura e Desenvolvimento (UNESCO), do Corpo Mundial de Peritos em Políticas Públicas da UNESCO, do Conselho Editorial da Revista Página 22 e do Comitê de Diversidade do Banco Santander.

GPIT – O Grupo de Pesquisa Identidade e Território (GPIT), da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), é membro da Rede Latinoamericana Imagem Identidade e Território (Laiit) e foi criado com a intenção de integrar ensino de graduação e pós-graduação, pesquisa e extensão. Os estudos se dão sobre temas como Memória, Paisagem e Patrimônio cultural, Classe e Território, Imagem e Território. Tendo como objeto de estudo as formas discursivas imagéticas, as relações entre classe e território, em especial da segregação espacial das classes pobres e da gentrificação de áreas centrais. Atua na área do Planejamento Urbano e Regional e Ciências Sociais Aplicadas e atualmente conta com pesquisadores com formação em em diversas áreas como Sociologia, Arquitetura e Urbanismo, História, Comunicação, Administração, Artes Visuais. Desenvolve a pesquisa "Como anda a favela no Brasil? O discurso em definições e imagens", junto ao CNPq. Recentemente realizou intervenção artística, durante o III Encontro de Cidades e Universidades, com a obra intitulada "Ocupa Tapume", um convite à reflexão crítica sobre intervenções que pretendem suprimir a memória da cidade. Participou da Mostra Internacional de arte impressa "Deambulações: Entre Gravuras e Rinocerontes, promovida pelo Núcleo de Arte Impressa (IA/UFRGS) e Goethe-Institut Porto Alegre, com a obra "Rinocidade". Realizou em parceria com a produtora Prana Filmes, o curta-metragem "Pela UFRGS" sobre a vida na Universidade, inspirado pelo filme "At Berkeley", de Frederik Wiseman.

Carlos Ribeiro Furtado – Possui graduação em Arquitetura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1973), especialização em habitação social pelo Bowncentrum International Education, mestrado em Urban Development Planning – University College London (1984) e doutorado em Sociologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004). Atualmente é professor associado I da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e no Programa de Pós-Graduação em Planejamento Urbano – PROPUR. Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em Planejamento e Projeto do Espaço Urbano, atuando principalmente nos seguintes temas: habitação, urbanismo, sociologia, política urbana e gentrificação. Possui um livro publicado sobre gentrificação sob o título: Intervenção do Estado e (re) estruturação urbana. Um estudo sobre gentrificação. Cadernos Metrópole (PUCSP).

Leonardo Brawl Márquez – Arq. Leonardo Brawl, que foi contratado em 2012 pela prefeitura de PoA para ajudar na elaboração do NEC – Núcleo de Economia Criativa. É músico profissional e por dois anos representou o RS na Câmara Setorial da Música em Brasília. Leonardo é Co-Fundador do TransLAB – Instituto de Pesquisa em Inovação Social, onde desenvolveu atividades em rede com o conceito do empreendedorismo social e os desafios da chamada "nova economia". Leonardo é um dos representantes do Placemaking no Brasil, e dentro desta abordagem do entendimento das qualidades que fazem de um "espaço", um "lugar", existe a questão do viés da economia e os aspectos de ativação do território a partir da compreensão das economias (formais, informais, de capital monetário, capital intelectual e capital social).

IAB - RS

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Documentário “Vozes da arquitetura Porto Alegrense” encerra programação de aniversário do IAB RS

O último dia da programação especial que comemorou os 76 anos do IAB RS foi marcado pela exibição do documentário “Vozes da Arquitetura Porto Alegrense”. O filme, produzido pela entidade com apoio institucional do CAU/RS, reuniu depoimentos de 19 profissionais, que falaram sobre a profissão e suas percepções envolvendo aspectos como criatividade, coletividade e outros significados. Além da exibição, foram anunciados dois editais de cultura. 

Leia Mais →

NOTA PÚBLICA

As entidades Associação dos Técnicos de Nível Superior de Porto Alegre (Astec), Instituto de Arquitetos do Brasil – Depto Rio Grande do Sul (IAB RS), Instituto Brasileiro de Direito Urbanístico (IBDU), ONG Acesso Cidadania e Direitos Humanos e Sociedade de Economia do Rio Grande do Sul (SOCECON) entraram com ação ordinária a fim de denunciar irregularidades identificadas no edital e processo eleitoral do Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano e Ambiental – Biênio 2024/2025. 

Leia Mais →

Outras Notícias

Desafios do planejamento urbano e gestão em Porto Alegre foram temas de debate no IAB RS

A relação envolvendo o setor imobiliário e a administração pública na Capital, bem como os desdobramentos da revisão do Plano Diretor e as eleições para o Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano e Ambiental (CMDUA), foram alguns dos tópicos abordados no debate “Planejamento Urbano e Gestão: desafios atuais e perspectivas futuras para Porto Alegre”, que ocorreu no dia 28 de março na sede do IAB RS, em Porto Alegre.

Leia Mais →

Arquiteta Enilda Ribeiro é homenageada em evento do IAB RS

Para comemorar os 76 anos do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento Rio Grande do Sul (IAB RS), a entidade planejou uma série com três eventos especiais para debater a profissão, relembrar a história e preservar memórias. Na primeira atividade, a palestra “Acervos em arquitetura e urbanismo – homenagem a Enilda Ribeiro” promoveu o encontro entre o professor da FAUUSP e coordenador da biblioteca da FAUUSP, Eduardo Costa; o membro do conselho consultivo do Centro de Memória CAU/RS, José Daniel Simões; e a copresidente do IAB RS e responsável pelo projeto documental, Bruna Tavares. 

Leia Mais →

IAB RS participa do painel RS Seguro COMunidade no South Summit

A copresidente Clarice Oliveira falou sobre a importância dos Concursos Públicos de Projeto e dos processos participativos que o IAB RS vem implantando junto ao governo do Estado. Durante sua fala, destacou que “o IAB RS desenvolve concursos de projeto urbanístico integrai que tem como um pilar muito importante a participação da comunidade no processo inicial de elaboração do programa de necessidades, que vai constituir as bases do concurso público de projetos”.

Leia Mais →