Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

IAB RS renovou Diretoria, Conselhos e Núcleos para os próximos três anos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
A eleição no IAB RS foi realizada na quarta-feira, 27 de novembro, e contou com ampla participação dos associados que definiram sua direção e conselhos para os próximos três anos. Com a homologação da Ata da Assembleia Geral de Eleição nesta semana divulgamos o resultado oficial e aproveitamos para convidar para a posse da nova diretoria, que será realizada no sábado dia 14/12 quando o Instituto realizará um almoço festivo com feijoada na cumbuca e música brasileira para também celebrar o Dia do Arquiteto.
A chapa única, intitulada “IAB: Cidade e Cultura”, foi confirmada pelos associados, assim como também foram eleitas as diretorias de sete Núcleos do IAB: Erechim, Santa Maria, Rio Grande, Pelotas, Torres, Caxias do Sul e Litoral.
Segundo o presidente reeleito, Tiago Holzmann da Silva, "o IAB demonstrou grande vitalidade elegendo mais de 80 colegas arquitetos para os cargos da Diretoria, Conselhos e Núcleos do interior. Nossa reeleição é um reconhecimento ao trabalho que vem sendo realizado e que temos, a partir de agora, a responsabilidade de qualificar e aprofundar."
No âmbito das eleições do Conselho Estadual que tem candidaturas avulsas, o arquiteto Humberto Hickel foi o conselheiro mais votado entre os 10 eleitos titulares.
Ficaram assim constituídos os cargos:
CONSELHO DIRETOR:
Presidente: Tiago Holzmann da Silva
1° Vice-presidente: Rafael Pavan dos Passos
2° Vice-presidente: Ednezer Flores
3° Vice-presidente: Vinicius Vieira
Secretário Geral: Marcelo Gribov Brinckmann
1° Secretária: Claudia Fávaro
2° Secretário: Roberta Krahe Edelweiss
Diretor Financeiro: Henrique Dauber
1° Tesoureiro: Ângela Ponsi
2° Tesoureiro: Marcelo Arioli Heck
Conselho Superior – titulares
1 Claudio Fischer
2 Carlos Alberto Sant’Ana
3 Iran Rosa
4 Rogério Malinsky
5 Oritz Adriano Adams de Campos
6 Alexandre Pereira dos Santos
Conselho Superior – suplentes
1 César Dorfman
2 Clovis Ilgenfritz da Silva
3 Salma Cafruni
4 Lais Salengue
5 Ivan Mizoguchi
6 David Léo Bondar
Conselho Fiscal:
1 Gilda Maria Franco Jobim
2 Adroaldo Xavier da Silva
3 Tiziano Filizola
CONSELHO ESTADUAL
Titulares:
Humberto Hickel
Maria Tereza Fortini Albano
Cícero Alvarez
Julio Cesar Vargas
Maria Dalila Bohrer
Luciane Kinsel
Daniela Fialho
Emílio Domingues
Taiana Pitrez Tagliani
Lídia Fabrício
Suplentes:
Daniele Caron
Carlos Fernando G. Seffrin
Letícia Franco
Cecília Esteve
Andréia Bocian
Pedro Araújo
Lucas Leite
Marcelo Parahiba
Márcio Arioli
Geraldo Ozio
NÚCLEOS
Núcleo Caxias do Sul
Presidente: Rodrigo Salvati
1ª Secretária: Bruna Chiaradia
2ª Secretário: Rafael Ártico
3º Secretário: Max Leonardo Manoel
1ª Tesoureira: Giovana Santini
2ª Tesoureira: Silvia R. S. Nunes
Conselheiro estadual (representante CoEs): Silvia R. S. Nunes
Núcleo Erechim
Presidente: Alexandre Nichetti
Vice-Presidente: Magali Mingotti
1ª Secretária: Roberta Grendene
2ª Secretária: Thaiana Puhl
Representante CoEs: Luiz Fiori
Núcleo Litoral
Presidente: Edmundo T. Francisco
Secretário: Leandro Machado dos Santos
Tesoureiro: Rodrigo Colissi Alves
Representante CoEs: Claudia R. Casaccia
Núcleo Pelotas
Presidente: Otavio Martins Peres
Vice-Presidente: Nirce Saffer Madevedoski
Secretário: Luis Antônio Machado Veríssimo
Conselho Estadual: Ana Lúcia Oliveira
Núcleo Rio Grande
Presidente: Evelise Jaime de Menezes
Vice – presidente: Guilherme Castro Dias
Tesoureira: Camila Cardoso de Melo Sampaio
Secretária: Letícia Carneiro Estima
Tesoureira: Camila Cardoso de Melo Sampayo
2ª Tesoureira: Rosana Senna da Silva
Representante CoEs: Marcio Gomes Lontra
Núcleo Santa Maria
Presidente: Sheila Comiran
Vice-Presidente: Lidia Glacir Gomes Rodrigues
Secretária: Annelieze Correa
Tesoureiro: Hugo Gomes Blois Filho
Representante CoEs: Hugo Gomes Blois Filho
Núcleo Torres
Presidente: Marcelo Koch
Secretário: Raquel Linhares
Tesoureiro: Giana Paola Miron Brentano
Representante CoEs: Vera Prates
IAB - RS

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Nota pública: Suspensão da urbanização da Fazenda do Arado

A fazenda do Arado é patrimônio ambiental, arqueológico, histórico, cultural, arquitetônico e paisagístico de Porto Alegre, constituindo-se de uma zona primordial para manutenção de espécies da fauna e da flora, sujeita a enchentes e alagamentos por encontrar-se abaixo da cota de inundação do Guaíba. A zona serve como espaço de extravasamento natural do Guaíba, importante de ser preservado. O IAB RS reitera a necessidade de atenção máxima por parte dos governantes, sociedade civil, entidades e instituições às questões ambientais e suas relações com a cidade.

Leia Mais →

Na mídia: IAB RS participa de reportagem da Folha de São Paulo sobre reconstrução do RS

A copresidente do IAB RS, Clarice Misoczky de Oliveira, concedeu entrevista para reportagem da Folha de São Paulo. O ponto central foi a reconstrução do RS. “A questão habitacional é mais dramática. Há municípios no Vale do Taquari, como Muçum e Roca Sales, que se desenvolveram em áreas de encostas. Cidades como Santa Tereza em que parte das casas estão em áreas de inundações. Precisamos construir com segurança”, disse.

Leia Mais →

MANIFESTO IAB RS PARA A RECONSTRUÇÃO DO RS

Considerando a enorme tragédia causada pelos efeitos da crise climática e pelo descaso do poder público com o planejamento urbano e regional sustentável na promoção de cidades justas, igualitárias e ecologicamente  equilibradas, a Comissão Cidades/IAB RS, por meio deste, manifesta a necessidade de atenção às questões referentes às diferentes escalas de planejamento, arquitetura e urbanismo para reconstrução das cidades do Rio Grande do Sul, aqui agrupadas em dois grandes grupos: (A) Planejamento Urbano e Regional e (B) Moradia Digna.

Leia Mais →

Outras Notícias

COMUNICADO DO IAB RS SOBRE O ESTADO DE CALAMIDADE CLIMÁTICA

O momento é grave e compreendemos que enquanto Instituto temos um trabalho de articulação de impacto a médio prazo, sendo provocadas e estruturadas redes que auxiliem nas questões habitacionais e de reestruturação das cidades, com projetos que considerem os riscos e impactos que os eventos climáticos tem gerado em nossas cidades, de modo mais frequente e de maior intensidade. Compreendendo a sensibilidade das questões ambientais, com a natureza impondo seus limites, frente às ocupações urbanas.

Leia Mais →