Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

IAB-RS debate programa “Minha Casa Minha Vida”

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Na próxima quarta-feira, dia 21/08, às 19h30, o IAB-RS, debate sobre o programa “Minha Casa Minha Vida”. Para este debate do ciclo Desafios Urbanos do IAB-RS se propõe o tema N°7 do Decálogo publicado em 2012: “Habitação com qualidade e integração das comunidades”.
É desejo IAB-RS, neste contexto pouco pacífico, mas ineditamente potente da produção habitacional do país, de discutir a promoção da moradia popular a partir do Programa Minha Casa Minha Vida. Na discussão, serão considerados os efeitos sobre o território e as comunidades urbanas, como seus desdobramentos profissionais sobre projeto e o planejamento para os arquitetos. Também serão relevadas as implicações sociais, políticas e culturais para a população brasileira, especialmente para as famílias que, historicamente, têm encontrado apenas no Estado o acesso à moradia.
No documento “10 pontos por um projeto de cidade”, o item 07 do foca-se no tema “Habitação Social”, “Habitação com qualidade e integração das comunidades”. No documento, o instituto defende a necessidade de valorizar projetos habitacionais que priorizem a inserção da habitação de interesse social no tecido urbano existente construindo bairros e não guetos.  Também, salienta a importância de garantir o direito à cidade, entendido como acesso à habitação, ao transporte, aos equipamentos urbanos e comunitários, ao trabalho, à renda e a um ambiente equilibrado para todos os cidadãos. Ainda salienta a necessidade de projetar e construir moradias que considerem as diversidades paisagísticas, climáticas e topográficas, assim como as diversas composições familiares das populações.
É visando esta perspectiva ampla que se apresentam os convidados, representando, de certa forma, vertentes da profissão do arquiteto, da pesquisa sobre o tema, da gestão do Programa e da militância na questão habitacional. Assim, participarão da mesa:
– Julia Wartchow, Arquiteta e Urbanista, mestre em Planejamento Urbano e Regional pela UFRGS e pesquisadora do Observatório das Metrópoles. Sua dissertação de mestrado foi sobre o acesso à terra por parte de cooperativas habitacionais na Região Metropolitana de Porto Alegre, dentro dos programas Crédito Solidário e Minha Casa Minha Vida;
– Alvaro Pedrotti, arquiteto e urbanista formado pela UFRGS, diretor da SEHAB-RS de 1999 a 2002, atualmente cursa Especialização Arquitetura da Habitação de Interesse Social na PUCRS, trabalha com grupos organizados a elaboração e implantação de Projetos de Habitação de Interesse Social desde 2005.
– Eduardo Solari, uruguaio, músico e escritor autodidata, residente há 12 anos no Brasil. Interveio em varias ocupações urbanas, entre elas, na que hoje é o Assentamento Urbano Utopia e Luta, no centro histórico de Porto Alegre. Atualmente, está comprometido com o projeto das redes de Autogestão comunitárias, proposto pela COOPSUL, a qual preside.
– Eduardo Speggiorin, Arquiteto e Urbanista, formado em 1987 pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, desde 1992 atua na área de engenharia e arquitetura da Caixa Econômica Federal. Atualmente coordena a área de avaliações, normas e padrões técnicos de engenharia e arquitetura da GIDUR/PO Gerência de Desenvolvimento Urbano e Rural Porto Alegre.
– Alexandre Pereira Santos será o mediador. É arquiteto e urbanista, sócio da empresa 3C Arquitetura e Urbanismo e mestrando da UFPEL. Desenvolve pesquisa na área dos Sistemas Configuracionais Urbanos sobre forma da cidade enquanto processo social, especialmente através das suas contradições, relações com a pobreza e ambiente natural através da modelagem das dinâmicas urbanas.
As Quartas no IAB têm patrocínio da Caixa Econômica Federal.
IAB - RS

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Na mídia: IAB RS participa de reportagem da Folha de São Paulo sobre reconstrução do RS

A copresidente do IAB RS, Clarice Misoczky de Oliveira, concedeu entrevista para reportagem da Folha de São Paulo. O ponto central foi a reconstrução do RS. “A questão habitacional é mais dramática. Há municípios no Vale do Taquari, como Muçum e Roca Sales, que se desenvolveram em áreas de encostas. Cidades como Santa Tereza em que parte das casas estão em áreas de inundações. Precisamos construir com segurança”, disse.

Leia Mais →

MANIFESTO IAB RS PARA A RECONSTRUÇÃO DO RS

Considerando a enorme tragédia causada pelos efeitos da crise climática e pelo descaso do poder público com o planejamento urbano e regional sustentável na promoção de cidades justas, igualitárias e ecologicamente  equilibradas, a Comissão Cidades/IAB RS, por meio deste, manifesta a necessidade de atenção às questões referentes às diferentes escalas de planejamento, arquitetura e urbanismo para reconstrução das cidades do Rio Grande do Sul, aqui agrupadas em dois grandes grupos: (A) Planejamento Urbano e Regional e (B) Moradia Digna.

Leia Mais →

Outras Notícias

COMUNICADO DO IAB RS SOBRE O ESTADO DE CALAMIDADE CLIMÁTICA

O momento é grave e compreendemos que enquanto Instituto temos um trabalho de articulação de impacto a médio prazo, sendo provocadas e estruturadas redes que auxiliem nas questões habitacionais e de reestruturação das cidades, com projetos que considerem os riscos e impactos que os eventos climáticos tem gerado em nossas cidades, de modo mais frequente e de maior intensidade. Compreendendo a sensibilidade das questões ambientais, com a natureza impondo seus limites, frente às ocupações urbanas.

Leia Mais →

Nota pública em apoio às familias atingidas pelas enchentes no RS

O IAB-RS manifesta solidariedade às famílias atingidas pelas inundações e enchentes no Rio Grande do Sul. Os eventos de chuvas extremas estão se mostrando uma realidade com recorrência no nosso estado. O momento pede a soma de esforços de todos os setores da sociedade para ajudar aqueles que estão em situação de vulnerabilidade.

Leia Mais →