Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Loteamentos irregulares em Porto Alegre

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Como representante do IAB no Forum de Planejamento da 8ª Região de Porto Alegre, tivemos a oportunidade de conhecer de perto a situação dos loteamento irregulares em implantação na área Sul do município. As melhorias em infra-estrutura introduzidas na região, em especial na última década, disponibilizaram para o mercado glebas de preços relativamente acessíveis, propiciando uma forte tendência de urbanização, que se traduziu em demanda efetiva por lotes populares. Essas demandas, contrapostas aos elevados investimentos em serviços, tempo e recursos necessários à produção de lotes regulares, têm gerado produtos de qualidade urbanística inferior, atraindo uma população compradora carente de moradia, via de regra destituída de informação e presa fácil de loteadores clandestinos.
Sabe-se que a origem desta questão extrapola as situações meramente locais e possui raízes históricas na estrutura social e econômica brasileira, mas, nas suas especificidade encontram-se também modelos universais, cujos valores éticos e estéticos nos interessam enquanto IAB-RS.
Não escapa a uma análise acurada a cumplicidade das partes envolvidas, que encontram brigo em práticas paternalistas históricas – a espera pela regularização e pelas benesses dos governantes.
Alguns profissionais de urbanismo têm, lamentavelmente, conduzido este processo de forma ineficiente, com conseqüência negativas à economia popular e à qualidade ambiental do município.
Nesse contexto, pode-se identificar alguns procedimentos equivocados: A ART é o primeiro documento que serve de apoio à venda irregular; segue-se o protocolo e o projeto ainda sem aprovação; a placa do responsável técnico no local, às vezes, precede o licenciamento assim como o dano ambiental que acontece antes da aprovação.
O CREA, parte integrante da força-tarefa de fiscalização constituída pelo Forum de Planejamento da 8º Região informa que nada pode fazer, uma vez verificada a existência de ART.
O IAB, mais do que nunca engajado nos Foros de Planejamento Regionais, pretende alertar os arquitetos da cautela necessária, dos os riscos e conseqüências a que podem estar expostos e da importância de trabalhar no sentido de uma consciência social ampliada, considerando os valores éticos do título que ostentam. Arq. Samuel Quintana
2º Tesoureiro do IAB-RS
Representante do IAB no Fórum de Planejamento da 8ª Região

IAB - RS

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Documentário “Vozes da arquitetura Porto Alegrense” encerra programação de aniversário do IAB RS

O último dia da programação especial que comemorou os 76 anos do IAB RS foi marcado pela exibição do documentário “Vozes da Arquitetura Porto Alegrense”. O filme, produzido pela entidade com apoio institucional do CAU/RS, reuniu depoimentos de 19 profissionais, que falaram sobre a profissão e suas percepções envolvendo aspectos como criatividade, coletividade e outros significados. Além da exibição, foram anunciados dois editais de cultura. 

Leia Mais →

NOTA PÚBLICA

As entidades Associação dos Técnicos de Nível Superior de Porto Alegre (Astec), Instituto de Arquitetos do Brasil – Depto Rio Grande do Sul (IAB RS), Instituto Brasileiro de Direito Urbanístico (IBDU), ONG Acesso Cidadania e Direitos Humanos e Sociedade de Economia do Rio Grande do Sul (SOCECON) entraram com ação ordinária a fim de denunciar irregularidades identificadas no edital e processo eleitoral do Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano e Ambiental – Biênio 2024/2025. 

Leia Mais →

Desafios do planejamento urbano e gestão em Porto Alegre foram temas de debate no IAB RS

A relação envolvendo o setor imobiliário e a administração pública na Capital, bem como os desdobramentos da revisão do Plano Diretor e as eleições para o Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano e Ambiental (CMDUA), foram alguns dos tópicos abordados no debate “Planejamento Urbano e Gestão: desafios atuais e perspectivas futuras para Porto Alegre”, que ocorreu no dia 28 de março na sede do IAB RS, em Porto Alegre.

Leia Mais →

Outras Notícias

Arquiteta Enilda Ribeiro é homenageada em evento do IAB RS

Para comemorar os 76 anos do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento Rio Grande do Sul (IAB RS), a entidade planejou uma série com três eventos especiais para debater a profissão, relembrar a história e preservar memórias. Na primeira atividade, a palestra “Acervos em arquitetura e urbanismo – homenagem a Enilda Ribeiro” promoveu o encontro entre o professor da FAUUSP e coordenador da biblioteca da FAUUSP, Eduardo Costa; o membro do conselho consultivo do Centro de Memória CAU/RS, José Daniel Simões; e a copresidente do IAB RS e responsável pelo projeto documental, Bruna Tavares. 

Leia Mais →

IAB RS participa do painel RS Seguro COMunidade no South Summit

A copresidente Clarice Oliveira falou sobre a importância dos Concursos Públicos de Projeto e dos processos participativos que o IAB RS vem implantando junto ao governo do Estado. Durante sua fala, destacou que “o IAB RS desenvolve concursos de projeto urbanístico integrai que tem como um pilar muito importante a participação da comunidade no processo inicial de elaboração do programa de necessidades, que vai constituir as bases do concurso público de projetos”.

Leia Mais →

Arquiteta Enilda Ribeiro é destaque na coluna Almanaque, da Zero Hora

Enilda foi uma das primeiras mulheres a ser diplomada no curso específico em Arquitetura no Rio Grande do Sul. Além e ter lutado pela criação do curso superior de graduação na URFGS, foi presidente do IAB/RS entre 1980 e 1981. “Eu gostaria muito de ter conversado, em algum momento, com ela sobre os desafios que foram enfrentados, tanto no IAB-RS quanto em nível nacional, onde ela articulou a construção de ideias e diretrizes para a formação de um conselho próprio de arquitetura e urbanismo”, declarou a co-presidente do IAB/RS, Bruna Tavares.

Leia Mais →