Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Cidade e Patrimônio Cultural em pauta no IAB RS

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Em comemoração ao Dia Nacional do Patrimônio Histórico, o Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB RS) promoveu na noite da última na quarta-feira (17/08) o  debate “Cidade Preservada, Cidade Viva: Diálogos sobre Cidade e Patrimônio Cultural”.

O debate contou a participação da arquiteta Ana Lúcia Meira, que falou sobre ampliação do conceito de patrimônio no RS e a participação da sociedade civil na preservação. Ana é autora do livro “O passado no futuro da cidade: políticas públicas e participação dos cidadãos na preservação do patrimônio cultural de Porto Alegre”. A arquiteta gaúcha é doutora em planejamento urbano e regional e especialista em restauração e conservação de conjuntos e monumentos históricos.

O arquiteto Eduardo Hahn, superintendente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN/RS), trouxe para o debate questões como patrimônio cultural, legislação, políticas públicas e instrumentos nas esferas de governo federal, estadual e municipal. Hahn deu alguns exemplos dos programas Monumenta e PAC Cidades Históricas, Lei Rouanet e o Inventário, além de uma visão crítica de conflitos e potencialidades.

Já o doutor em história, Francisco Marshall, abordou os caminhos da memória na cidade, além de questões sobre patrimônio, identidade, arte e arquitetura, museus e arte urbana. Marshall tem experiência internacional em história antiga, arqueologia clássica, museologia, iconologia, estudos do imaginário, história da cultura, epistemologia e história das ciências.

A mediação do debate foi  da arquiteta Briane Bicca, que falará sobre o movimento "Ocupa" que tem se desenvolvido no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

O vídeo ficará disponível após o evento na galeria do canal: https://www.youtube.com/user/iabrstv.

Saiba mais sobre os participantes do debate:


Ana Lúcia Meira – Arquiteta e urbanista formada pela UFRGS, com mestrado e doutorado em Planejamento Urbano e Regional pela mesma Universidade. Especialista em Restauração e Conservação de Conjuntos e Monumentos Históricos pela UFBa e Pós-Graduação no Instituto ICCROM em Roma. Professora no Curso de Arquitetura e Urbanismo da Unisinos. Técnica do IPHAN de 1983 a 2014. Autora do livro: O passado no futuro da cidade: políticas públicas e participação dos cidadãos na preservação do patrimônio cultural de Porto Alegre.

Briane Bicca – Arquiteta e Urbanista FAU UFRGS 1969; Coordenou o Projeto Monumenta Porto Alegre, de 2001 a 2014;  Coordenou o Setor de Cultura da Unesco no Brasil, Brasília, de 1992 a 2001; Técnica em planejamento & preservação IPHAN, 1979 a 92, onde coordenou o Grupo de Trabalho para a preservação de  Brasília e responsável pelo dossier Brasília/Patrimônio Mundial/UNESCO, 1986;Técnica em Planejamento do IPEA/CNPU, onde atuou no Programa de Cidades Históricas – PCH, 1976;  Pós doutorado em Conservação do Patrimônio Histórico, Palais Chaillot – Paris, 1990; Especialização em Conservação Arquitetônica, ICCROM, Roma, 1989;  Doutorado em planejamento, Universidade de Grenoble, França,1979; Na UNESCO organizou o livro “Patrimônio Mundial do Brasil", Brasília, 2000;  Autora  capítulo “Centro Histórico de Porto Alegre e o Projeto Monumenta”,  do livro “Intervenções em Centros Urbanos", Ed. Manole, SP, 2005;  Co-org. do livro ”Arquitetura na formação do Brasil”,CAIXA/UNESCO/IPHAN, Brasília, 2008; Autora do livro “O Programa Monumenta e a experiência de Porto Alegre, IPHAN, Brasília, 2010; Coordena o PAC Cidades Históricas Porto Alegre, SMC/PMPA,  desde 2013.

Eduardo Hahn – Formação em arquitetura e urbanismo na Universidade Luterana do Brasil (ULBRA), Canoas/RS, 1998; professor das disciplinas de História da Arquitetura, Patrimônio Cultural e Arquitetura Brasileira e História da Arte no Brasil no curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Luterana do Brasil (ULBRA) DE 2002 até 2008; Coordenador do Setor Técnico da Superintendência do IPHAN no Rio Grande do Sul entre os anos de 2000 e 2008; Curso técnico em Restauração Arquitetônica no Centro Europeu de Restauro em Florença/Itália, entre os anos de 2009 e 2011; Diretor do Instituto do patrimônio Histórico e Artístico do Estado do Rio Grande do Sul – IPHAE entre 2011 e 2013; Superintendente do IPHAN no Rio Grande do Sul deste 2013 até a atualidade.   

Francisco Marshall – Licenciado em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1988) e doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (1996), Francisco Marshall realizou pós-doutorado na Princeton University (NJ, EUA, 1998), como bolsista Capes-Fulbright, convidado de Peter Brown, e na Ruprecht-Karls-Universität Heidelberg (Alemanha, 2008-9), como bolsista da Fundação Alexander von Humboldt. É professor associado da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, atuando no Departamento e PPG História (IFCH) e no PPG Artes Visuais (IA). Tem experiência nas áreas de História e de Arqueologia Clássica, com ênfase em História Antiga e Medieval, atuando principalmente em história antiga, arqueologia clássica, museologia, iconologia, estudos do imaginário, história da cultura, epistemologia e história das ciências.

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Outras Notícias