Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Acadêmicos da Universidade Feevale ganham prêmio nacional de arquitetura

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Os acadêmicos Karen Kussler e Guilherme Osterkamp, do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Feevale, ganharam o 1º lugar no Concurso Nacional para Estudantes de Arquitetura e Urbanismo – Soluções para Cidades. O resultado foi divulgado no site do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento de São Paulo, que organiza o concurso, juntamente com a Associação Brasileira de Cimento Portland – ABCP. Como prêmio, os estudantes receberam R$ 5 mil. O trabalho vencedor, orientado pelo professor Juliano de Caldas Vasconcellos, consiste da reabilitação da área conhecida como “praça da pista de skate”, localizada na Avenida Nicolau Becker, em Novo Hamburgo. Embora atraia praticantes do esporte, o local afasta usuários comuns, por estar degradado e carente de equipamentos urbanos que favoreçam a presença de pessoas ao longo do dia. Com base nesses problemas, foi criada a proposta “Drops”, objetos de concreto armado na forma de gota que, associado a mais peças, soluciona todos os itens propostos. Os mobiliários consistem da junção dessas “gotas”, criando infinitas possibilidades de combinação, além de facilidade de fabricação e aplicação. Para o professor, o resultado elaborado pelos alunos foi brilhante: “O trabalho vencedor levou o nome da Instituição para o centro das atenções, solucionando de maneira muito competente e criativa várias situações que os espaços públicos no nosso país são carentes. E tudo isso com apenas uma peça feita em concreto armado, que pode ser arranjada e formando outras tantas”, relata o orientador. O concurso premia três projetos elaborados por estudantes matriculados em cursos de graduação em Arquitetura e Urbanismo. Os acadêmicos tiveram o desafio de elaborar cinco elementos de mobiliário urbano em produtos à base de cimento, e seus produtos derivados, como concreto: bancos; postes de iluminação; lixeiras; bicicletário; e um elemento de livre escolha. Entre os principais méritos do trabalho dos acadêmicos da Feevale, que foi avaliado pelo corpo de jurados, composto por arquitetos renomados nacionalmente, estão: a variedade de usos da proposta, a originalidade e a criatividade das soluções. Segundo os acadêmicos, a maior preocupação na criação do projeto, que levou em torno de um mês, foi a necessidade de criar uma peça versátil, com mais de um item de mobiliário, além de fácil industrialização e beleza estética. Além disso, foi pensado em um mobiliário que também se prestasse como obstáculo para skatistas, o foco da praça em questão. Para Karen, a sensação com a premiação é de dever cumprido: “Vendo os colegas, professores, familiares e amigos nos parabenizando pela premiação, e muitos se sentindo premiados também, é uma sensação ótima”, afirma a estudante. De acordo com os acadêmicos, entre os planos está o de continuar pesquisando e aprimorando o projeto, construir um protótipo e, talvez, aplicar a ideia em praças, além de continuar participando de concursos. Fonte: Assessoria de Imprensa Feevale

IAB - RS

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

COMUNICADO DO IAB RS SOBRE O ESTADO DE CALAMIDADE CLIMÁTICA

O momento é grave e compreendemos que enquanto Instituto temos um trabalho de articulação de impacto a médio prazo, sendo provocadas e estruturadas redes que auxiliem nas questões habitacionais e de reestruturação das cidades, com projetos que considerem os riscos e impactos que os eventos climáticos tem gerado em nossas cidades, de modo mais frequente e de maior intensidade. Compreendendo a sensibilidade das questões ambientais, com a natureza impondo seus limites, frente às ocupações urbanas.

Leia Mais →

Outras Notícias

Nota pública em apoio às familias atingidas pelas enchentes no RS

O IAB-RS manifesta solidariedade às famílias atingidas pelas inundações e enchentes no Rio Grande do Sul. Os eventos de chuvas extremas estão se mostrando uma realidade com recorrência no nosso estado. O momento pede a soma de esforços de todos os setores da sociedade para ajudar aqueles que estão em situação de vulnerabilidade.

Leia Mais →

IAB RS participa da 178ª reunião do COSU

O correu em Aracaju, nos dias 22 e 24 de abril, o 1º Seminário Nacional de Arquitetura e Urbanismo do estado de Sergipe (ArqUrb.SE). Na sequência, entre os dias 25 e 27 de abril, foi realizada a 178ª Reunião do Conselho Superior do IAB (COSU), com abrangência nacional. Os dois eventos foram promovidos pelo Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento Sergipe (IAB-SE) com apoio do IAB Nacional. O IAB RS esteve presente na reunião.

Leia Mais →

Primeira fase da requalificação da Avenida 25 de Julho em Flores da Cunha iniciará em maio

Flores da Cunha de cara nova: a partir do mês de maio, a principal via da cidade – que conecta o município de norte a sul – será requalificada. A iniciativa da administração municipal iniciou ainda em 2021, com o lançamento do Concurso Público Nacional “Avenida 25 de Julho”, realizado em parceria com o IAB RS, e apoio do CAU/RS e da ABAP, e resultou em um novo projeto estético e funcional para a Avenida 25 de Julho. Em função das chuvas, a prefeitura informou que a cerimônia de início da obra, com o lançamento da Pedra Fundamental, foi adiada, e nova data será divulgada em breve.

Leia Mais →

50 anos do retorno da democracia em Portugal e colônias africanas é celebrado com exposição no IAB RS

Em 25 de abril de 1974 Portugal retomava o regime democrático, após um longo período de ditadura iniciada em 1933. A chamada Revolução dos Cravos é relembrada, 50 anos depois, por meio de uma exposição organizada pelo Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento Rio Grande do Sul (IAB RS) e a ADUFRGS Sindical, com apoio do Consulado Português, e curadoria de Airton Cattani e Daniela Fialho, que colecionou 47 cartazes de manifestações distribuídos nas ruas no período da revolução. A exposição segue aberta no Solar do IAB (Rua General Canabarro 363, Centro Histórico, em Porto Alegre), com visitação gratuita de segunda a sexta-feira, das 10h às 12h, e das 14h30 às 17h, até o dia 24 de maio.

Leia Mais →