Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Arquitetura dos Espelhinhos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Este ano comemorou-se no Brasil os 500 anos da chegada dos luso-europeus às costas da Bahia, data em que o nosso país foi descoberto oficialmente. As criaturas que já viviam aqui, vulgarmente conhecidos como índios, eram na realidade uns coitados que nunca tinham descoberto nada mesmo, e portanto não nos interessa a versão dos seus poucos descendentes a respeito desta história. Corte! Coincidência ou não, este ano desembarcou em Porto Alegre o arquiteto português Álvaro Siza Vieira, que, ao contrário dos seus ascendentes, virá para construir e não para destruir. Aqui estará para visitar o terreno para o qual está desenvolvendo o projeto da Fundação Iberê Camargo, Museu que abrigará as obras deste importante artista sul-riograndense. Será, dizem, a primeira obra de um importante arquiteto internacional no Brasil, e até mesmo na América Latina.
Outra vez estamos sendo descobertos para o mundo civilizado pelos luso-europeus.
Nos tempos de Cabral, o descobridor do Brasil, aqui nestas terras não existiam conquistadores nem colonizadores, porquê, como já mencionei, só existiam índios, e quem se importa com eles? Porém, por uma série de acasos e circunstâncias históricas, hoje em dia já existem arquitetos, claro que não tão brilhantes, competentes e bonitos como os que vem de fora, mas, felizmente ou não, eles existem.
Eu, por outra série de coincidências deste tipo, acabei me formando arquiteto. Veja só! E agora me sinto no dever de manifestar minha opinião a respeito da ruidosa polêmica que se criou em torno da importação de arquitetos para construir os monumentos da nossa cidade.
Apesar do disfarçado cinismo deste texto, não pretendo, em nenhum momento, discutir o brilhantismo, a competência ou a beleza do arquiteto Álvaro Siza ou de qualquer outro Arq Pop Star, pois não tenho dúvida que eles serão capazes de dar-nos boas lições de arquitetura e civilidade. Assim como tenho certeza também que o intercâmbio social, artístico, etc, entre as mais diversas culturas é desejado, necessário e muito bem vindo. Porém, não é o que acontece neste caso e tenho muito claro que a questão a tratar é outra.
O fundamental na minha opinião é discutir até quando estaremos importando soluções e nos subjugando às lógicas impostas internacionalmente em vez de instrumentalizar-nos para atuar com competência na nossa cidade e na nossa sociedade? Até quando nos omitiremos da nossa responsabilidade de formação analítica e crítica e do desenvolvimento de soluções próprias para os nossos próprios problemas? Até quando estaremos imitando modelos exóticos em vez de descobrirmos, valorizarmos e assumirmos a nossa própria cultura? Até quando continuaremos a nos colocar “aos pés” dos colonizadores e sermos tratados como os pobres índios que ganham espelhinhos e o que realmente querem ver é a imagem do colonizador refletida?
E se estas discussões não interessarem, pois que venham todos os Arq Pop Stars, para dar-nos lições, e ensinar-nos arquitetura de verdade, e assim, quem sabe um dia, miraremos no espelhinho e veremos uma bela imagem refletida, brilhante, competente e bonita, mas que seguramente não terá nada que ver com a nossa própria cara. E, quem sabe assim, poderemos ver a nossa cidade nas revistas internacionais de arquitetura. Já imaginaram um número exclusivo de uma daquelas japonesas de fotos bonitas estampando na capa obras de Arq Pop Stars realizadas neste fim-de-mundo que é capital da nossa província.
Que emoção, nem posso imaginar… Viva a Recolonização do Brasil!

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Eleição virtual no IAB RS será neste sábado (26/11)

A Assembleia Geral Ordinária de Eleições para o triênio 2023/2025, que vai definir a nova diretoria do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento do Rio Grande do Sul (IAB RS), ocorrerá de forma virtual, no sábado dia 26 de novembro, das 9h às 21h. Vale lembrar que apenas associados arquitetos e urbanistas, em dia com a entidade, poderão participar do processo eleitoral. Também informamos que os núcleos do IAB RS no interior do Estado terão acesso somente a sua plataforma local.

Leia Mais →

Aos 96 anos, o arquiteto Emil Bered lança seu primeiro livro

Autor de várias edificações icônicas da paisagem urbana de Porto Alegre e do interior do Rio Grande do Sul, o arquiteto ex-presidente do IAB RS Emil Bered, de 96 anos, lança seu primeiro livro que apresenta a trajetória profissional e acadêmica, além de oferecer relatos, imagens e emoções de sua vida pessoal, associados a depoimentos de familiares e colegas de profissão. Será na quarta-feira (23/11), às 18h30min, no saguão da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFRGS.

Leia Mais →

Outras Notícias

Skate, estruturas e ATHIS são destaque no segundo dia da Trienal

O segundo dia da Trienal de Arquitetura e Urbanismo deu início às atividades no Multipalco do Theatro São Pedro. Na rua, os termômetros marcavam 30º, mas a sede do público era apenas por conhecimento. Os temas principais da quinta-feira rodearam os universos do ensino, das estruturas arquitetônicas, da inovação, e claro, da Assistência Técnica para Habitação de Interesse Social (ATHIS).

Leia Mais →

Solar do IAB RS recebe programação da Trienal de Arquitetura e Urbanismo

Porto Alegre acordou ensolarada para a abertura da Trienal de Arquitetura e Urbanismo, uma realização do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU/RS). Entre os dias 16 e 19 de novembro, a capital gaúcha sediará um grande evento – gratuito – não apenas para profissionais e estudantes de Arquitetura e Urbanismo, mas para todos os que amam e vivem a cidade, a cultura e a arte.

Leia Mais →

Cerimônia do Prêmio José Albano Volkmer será dia 19/11 no Theatro São Pedro

O Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB RS) promove no sábado (19/11) a cerimônia de entrega do Prêmio José Albano Volkmer, a partir das 19 horas, no Theatro São Pedro, em Porto Alegre. Este ano, o evento que revela o grande vencedor fará parte da programação da Trienal da Arquitetura, promovida pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do RS (CAU/RS), patrocinador do prêmio.

Leia Mais →