Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

CHAPA 3 Para o CAU-RS

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Nossas atribuições profissionais – antes detalhadas em resoluções do CONFEA – agora são LEI, e não podem mais ser usurpadas ou suprimidas.

O CAU-BR estará instalado no início de dezembro, e o CAU-RS, antes do Natal. Todos os registros de arquitetos a partir daí serão feitos pelo CAU-RS assim como as RRT – Registro de Responsabilidade Técnica – que equivalerão à atual ART. O futuro CAU-RS será formado por 21 conselheiros (em função do número de profissionais no estado). Já o CAU-BR será formado por 28 conselheiros eleitos em cada Estado e Distrito Federal.

A eleição para os conselheiros será o primeiro grande evento em que participarão todos os arquitetos registrados no Brasil, uma conquista democrática inegável até para aqueles que sempre foram contrários à nossa independência, aferrados às formas e defeitos do atual sistema Crea/Confea. Se antes apenas entidades e escolas nomeavam seus representantes nos Crea, agora todos poderão votar e ser votados democraticamente, e o CAU pode ser abertamente discutido e aperfeiçoado.

O IAB-RS e diversas entidades estaduais e locais de representação de arquitetos e urbanistas do Rio Grande do Sul (AAI, SAERGS, AsBEA e SERGS) elaboraram uma plataforma minuciosamente estudada para a eleição do CAU. Dentro do princípio de manter a unidade na diversidade de origens, foi formada a CHAPA 3, com a adesão de muitos colegas de indiscutível importância que sabem que nossa profissão precisa dar uma virada na condição subalterna que sempre sofreu no sistema multiprofissional.

A CHAPA 3 tem a maior representatividade pela atuação dos seus componentes nas próprias entidades, por contar com destacados profissionais em todos os campos de atuação do arquiteto e urbanista e por representar TODAS AS REGIÕES DO ESTADO. Por esse motivo, forma um grupo que pode afirmar, sem receio de mentir, que irá formar o CAU DE TODOS OS ARQUITETOS GAÚCHOS.

O IAB-RS irá se empenhar pelo sucesso da Chapa 3, que nasceu de nosso compromisso histórico com a implantação do CAU. Tendo o eminente colega Cesar Dorfman como candidato ao Conselho Federal, e a atual coordenadora da Câmara de Arquitetura do Crea-RS, Gislaine Saibro como sua suplente, a Chapa 3 conta ainda com uma nominata extensa de muitos outros colegas conhecidos para compor o CAU-RS.

Reunindo a confiabilidade, a inovação, a experiência, e a histórica defesa dessa bandeira, tanto a plataforma como os nomes envolvidos nesta chapa são por si eloquentes para torná-la a alternativa concreta e viável para a construção do CAU. Precisamos de um Conselho EFICIENTE na sua missão de registro e fiscalização, sem os vícios e defeitos do CREA, e que vá além, zelando para que a arquitetura seja respeitada e valorizada, para que os profissionais sintam no futuro mais orgulho de sua profissão.

Conheça a CHAPA 3 e vote pela sua profissão!

Carlos Alberto Sant’Ana
Arquiteto e Urbanista
Presidente do IAB-RS

IAB - RS

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Nota pública: Suspensão da urbanização da Fazenda do Arado

A fazenda do Arado é patrimônio ambiental, arqueológico, histórico, cultural, arquitetônico e paisagístico de Porto Alegre, constituindo-se de uma zona primordial para manutenção de espécies da fauna e da flora, sujeita a enchentes e alagamentos por encontrar-se abaixo da cota de inundação do Guaíba. A zona serve como espaço de extravasamento natural do Guaíba, importante de ser preservado. O IAB RS reitera a necessidade de atenção máxima por parte dos governantes, sociedade civil, entidades e instituições às questões ambientais e suas relações com a cidade.

Leia Mais →

Na mídia: IAB RS participa de reportagem da Folha de São Paulo sobre reconstrução do RS

A copresidente do IAB RS, Clarice Misoczky de Oliveira, concedeu entrevista para reportagem da Folha de São Paulo. O ponto central foi a reconstrução do RS. “A questão habitacional é mais dramática. Há municípios no Vale do Taquari, como Muçum e Roca Sales, que se desenvolveram em áreas de encostas. Cidades como Santa Tereza em que parte das casas estão em áreas de inundações. Precisamos construir com segurança”, disse.

Leia Mais →

MANIFESTO IAB RS PARA A RECONSTRUÇÃO DO RS

Considerando a enorme tragédia causada pelos efeitos da crise climática e pelo descaso do poder público com o planejamento urbano e regional sustentável na promoção de cidades justas, igualitárias e ecologicamente  equilibradas, a Comissão Cidades/IAB RS, por meio deste, manifesta a necessidade de atenção às questões referentes às diferentes escalas de planejamento, arquitetura e urbanismo para reconstrução das cidades do Rio Grande do Sul, aqui agrupadas em dois grandes grupos: (A) Planejamento Urbano e Regional e (B) Moradia Digna.

Leia Mais →

Outras Notícias

COMUNICADO DO IAB RS SOBRE O ESTADO DE CALAMIDADE CLIMÁTICA

O momento é grave e compreendemos que enquanto Instituto temos um trabalho de articulação de impacto a médio prazo, sendo provocadas e estruturadas redes que auxiliem nas questões habitacionais e de reestruturação das cidades, com projetos que considerem os riscos e impactos que os eventos climáticos tem gerado em nossas cidades, de modo mais frequente e de maior intensidade. Compreendendo a sensibilidade das questões ambientais, com a natureza impondo seus limites, frente às ocupações urbanas.

Leia Mais →