Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Projetos de lei em tramitação na Câmara abordam temas de interesse da arquitetura

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Dois Projetos de Lei de autoria da vereadora Clênia Maranhão, que estão em tramitação na Câmara Municipal, envolvem temas relativos à arquitetura. Um deles, já em fase final de tramitação, instituti o Registro de Bens Culturais de Natureza Imaterial, onde serão inscritos bens dessa natureza, que têm como referência a continuidade histórica e sua relevância municipal para a memória, a identidade e a formação da sociedade porto-alegrense. O outro PL cria um instrumento de controle dos equipamentos de ar-condicionado e da qualidade do ar nos prédios públicos e coletivos, de escritórios, cinemas, shopping centers e supermercados. A falta de limpeza destes aparelhos pode provocar doenças respiratórias, dermatológicas e alérgicas nos indivíduos, e constituti a “Síndrome dos Edifícios Doentes”, nome dado por cientistas, que a consideram uma doença da arquitetura moderna. O Registro do Patrimônio Imaterial Está em fase final de tramitação da Câmara Municipal, Projeto de Lei, da autoria da vereadora Clênia Maranhão, que institui o Registro de Bens Culturais de Natureza Imaterial. Entende-se por Patrimônio Imaterial, todas as manifestações culturais tradicionais, de caráter não material, embora se apresentem de forma material, tais como: os saberes (conhecimentos e modos de fazer, enraizados no cotidiano das comunidades), as celebrações (rituais e festas que marcam a vivência coletiva do trabalho, da religiosidade, do entretenimento e de outras práticas da vida social), as formas de expressão (manifestações literárias, musicais, plásticas, cênicas e lúdicas) e os lugares (mercados, feiras, santuários, praças e demais espaços onde se concentram e reproduzem práticas culturais coletivas). O Projeto de Lei prevê a abertura do Livro de Registros, onde serão inscritos bens imateriais, que têm como referência, a continuidade histórica e sua relevância municipal para a memória, a identidade e a formação da sociedade porto-alegrense. O Executivo Municipal deverá criar um programa visando à implementação de política específica de inventário, referenciamento e valorização do Patrimônio Imaterial.
Síndrome dos Prédios Doentes
Está tramitando na Câmara Municipal de Porto Alegre, Projeto de Lei, da autoria da Vereadora Clênia Maranhão, que estabelece critérios e fornece orientação técnica, contendo padrões referenciais da qualidade do ar interior em prédios de uso público e coletivo, climatizados artificialmente, no Município.
O Projeto de Lei cria um instrumento de controle dos equipamentos de ar-condicionado e da qualidade do ar nos prédios públicos e coletivos, de escritórios, cinemas, shopping centers e supermercados. A tendência de utilização, nos projetos, da linha tecnológica de conforto ambiental resultou nos “edifícios selados”, onde o ar é reciclado continuamente. Há prédios completamente digitais, mas com componentes mecânicos, ainda regidos por características físicas da natureza, oxidando, sujando, infectando e se desgastando.
A falta de limpeza e manutenção dos equipamentos de ar-condicionado, seus componentes e tubulações podem criar doenças respiratórias, dermatológicas e alérgicas nos indivíduos. A “Síndrome dos Edifícios Doentes”, como os cientistas a chamam, é uma doença da arquitetura moderna. Nos Estados Unidos, encontram-se casos de prédios (e, conseqüentemente, de funcionários) doentes em grandes companhias. São tão freqüentes que a Organização Mundial de Saúde estima que um em cada três trabalhadores esteja, neste exato momento em um escritório doente. O Projeto deverá ser votado ainda neste semestre.

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Na mídia: “Depois de construído, é difícil reverter”: o que dizem especialistas sobre mudanças na fachada do Pontal Shopping

Especialistas em urbanismo avaliam que a readequação da fachada da loja Leroy Merlin, no Pontal Shopping, na zonal sul de Porto Alegre, traz pequenas melhorias no visual e no microclima, mas não resolve o problema de sua construção ter se tornado uma barreira à contemplação e à conexão da Avenida Padre Cacique com a orla do Guaíba. Em entrevista ao jornal Zero Hora, a co-presidente do IAB-RS, Clarice Oliveira, ressalta que “Uma parede verde de plantas naturais é positiva porque vai diminuir o calor naquele microclima, com menos concreto. Vai ficar mais agradável, mas continuará sendo um paredão sem interface com o outro lado. Não vai deixar de ser uma barreira”.

Leia Mais →

NOTA PÚBLICA SOBRE OS PROCESSOS DE IMPUGNAÇÃO NAS ELEIÇÕS PARA O CMDUA.

O IAB-RS expressa preocupação em relação à ausência de registro dos pedidos de impugnação apresentados pelo instituto no âmbito do processo eleitoral das entidades de classe ligadas ao planejamento urbano no Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano e Ambiental (CMDUA). Conforme o cronograma estabelecido no edital 006/2023, utilizando os critérios estipulados no item 2.11 do referido edital, foi emitido um documento elencando 23 entidades que não demonstram caráter de atividades relacionadas ao planejamento urbano. Isso ocorreu após análise apropriada e indicação da regularidade dessas entidades para participação nas eleições do CMDUA.

Leia Mais →

Arquitetos vencedores do concurso de requalificação do Lago Joaquina apresentam projeto

Na tarde desta quarta-feira (10), os arquitetos e urbanistas do escritório OCRE, vencedores do Concurso Público Nacional de Arquitetura da Paisagem para Requalificação do entorno do Lago Joaquina Rita Bier, receberam a premiação de R$50 mil, assinaram o contrato de realização do projeto executivo e apresentaram a proposta vencedora para membros da Administração Municipal e comunidade.

Leia Mais →

Outras Notícias

Revelados os vencedores do Prêmio IAB-RS etapa estadual

Durante a Noite da Arquitetura, evento promovido pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Rio Grande do Sul (CAU/RS), foram revelados os vencedores do prêmio IAB-RS José Albano Volkmer para as turmas de 2022. O evento foi marcado, também, pela posse do conselho do CAU/RS para o triênio 2024-2026.

Leia Mais →

IAB-RS assina acordo para consultoria no programa RS Seguro COMunidade

O Governador do Estado, Eduardo Leite, lançou, na manhã do dia 15 de dezembro, o programa RS Seguro COMunidade, no Palácio Piratini, em Porto Alegre. Desenvolvido no âmbito do RS Seguro, a iniciativa integra o eixo voltado para políticas sociais preventivas e transversais, cujo foco de atuação são os territórios em situação de vulnerabilidade socioeconômica e com indicadores elevados de crimes violentos letais e intencionais, consumados ou tentados. O o IAB-RS realizará três concursos nacionais, em que serão selecionados projetos urbanísticos integrados para três localidades: Umbu, Rubem Berta e Santa Tereza.

Leia Mais →

ARQUITETOS DE PORTO ALEGRE VENCEM CONCURSO QUE IRÁ REQUALIFICAR LAGO JOAQUINA RITA BIER EM GRAMADO

Na noite desta quarta-feira (13/12) foi realizada em Porto Alegre a cerimônia de divulgação dos vencedores do “Concurso Público Nacional de Arquitetura da Paisagem para Requalificação do entorno do Lago Joaquina Rita Bier em Gramado, RS”, promovido pela Prefeitura Municipal de Gramado (RS) com organização do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento do Rio Grande do Sul (IAB-RS) e apoio da Associação Brasileira de Arquitetos Paisagistas (ABAP) e do IAB-RS Núcleo Hortênsias. Os grandes vencedores da noite foram os arquitetos e urbanistas Thiago Yuuki Kajiwara, Ananda Maciel Oliveira e Diego Flamia, do escritório OCRE Arquitetura, de Porto Alegre.

Leia Mais →

Prêmio IAB-RS recebe inscrições até o dia 13 de dezembro

Arquitetos e urbanistas das turmas de 2022 têm até as 23h59 do dia 13 de dezembro para inscrever o seu trabalho de conclusão de curso (TCC) no prêmio IAB-RS José Albano Volkmer, edição 2023. A iniciativa, concebida em parceria com o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Rio Grande do Sul (CAU/RS), premiará as ideias mais inovadoras e seus projetos inspiradores.

Leia Mais →