Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Renato Saboya palestrou sobre Vitalidade e Segurança Urbana no IAB RS

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
O Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB RS) recebeu o arquiteto Renato Saboya na Quarta do IAB ao vivo, realizada no dia 19 de novembro. O pesquisador palestrou sobre os "Efeitos da Arquitetura: influência dos tipos arquitetônicos sobre a vitalidade e a segurança urbana".
Saboya explicou que juntou três pesquisas que lidam com os elementos da vitalidade e segurança urbana. “Se a gente não entender a cidade de uma maneira metódica, estamos sujeitos a tirar conclusões erradas. Temos que analisar diversos aspectos ao mesmo tempo”, justificou.
Para ele, as edificações podem ser entendidas como “alimentadoras” dos espaços públicos: quanto mais gente mora em uma determinada área, mais gente tende a sair e chegar em casa todos os dias para ir e voltar do trabalho, da escola e das compras e demais atividades diárias, o que por si só representaria um primeiro esboço de vitalidade urbana. De acordo com o arquiteto, para que os espaços tenham vitalidade as pessoas precisam se sentir seguras. “Por outro lado a vitalidade também é um componente da segurança. São dois conceitos ligados que se influenciam mutuamente”, destacou.
Para Saboya, as edificações e os espaços privados, seus afastamentos e a quantidade de aberturas nas fachadas dos edifícios também geram impactos no espaço público, podendo interferir na apropriação do local e na sua vitalidade através das conexões visuais, que são elementos que possibilitam aos usuários das edificações um maior contato visual com o espaço pública. Ele informou que existem vários estudos que defendem que as conexões visuais, como as portas e janelas, ao se comunicarem com a rua podem controlar situações de perigo e comportamentos de usuários, através dos eixos de visibilidade existentes.
“A presença da vigilância natural através das conexões visuais das edificações destaca-se na segurança das edificações e dos espaços públicos como um fator que pode favorecer a redução dos crimes. Locais aparentemente mais seguros também incentivariam seu uso, o que por sua vez reforça a vigilância natural, em um círculo virtuoso”, observou Saboya. 
Ele também falou sobre os condomínios fechados. Para Saboya, outra discussão que deve ser realizada à luz dessas constatações diz respeito aos condomínios fechados, cuja principal justificativa é justamente a necessidade de segurança. “Até que ponto é desejável, ou justo, que a suposta segurança procurada pelos moradores desse tipo de assentamento seja alcançada às custas de maior insegurança nos espaços do entorno, que via de regra ficam sujeitos a longos e cegos muros divisores?”, questionou.
“Os edifícios de uma rua preparada para receber estranhos e garantir a segurança tanto deles quanto dos moradores devem estar voltados para a rua”, complementou
Para ele, a hipótese de que a maior conexão visual das edificações com a área pública inibe a ocorrência de crimes; e que locais com baixo potencial de movimento, baixa visibilidade e conexão visual limitada a outros espaços são alvos dos criminosos. 
“Cada vez temos mais edifícios cegos, separados do lote, e com muitos muros. A tipologia arquitetônica precisa ser pensada de maneira mais refinada pelos Planos Diretores. Precisamos refinar mais esses debates, e se tivermos mais evidências empíricas a gente pode ter mais argumentações”, concluiu.

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

IAB RS elege nova direção para o triênio 2023/2025

O Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento do Rio Grande do Sul (IAB RS) elegeu no último sábado (26/11) a nova direção da entidade para o triênio 2023-2025. Foi eleita a chapa única denominada “IAB Cidade, Cultura e Sociedade”, encabeçada pela nova presidente do IAB RS,  Clarice Mizocsky de Oliveira. A arquiteta e urbanista divide a presidência com mais três lideranças femininas que integram a gestão compartilhada: Paula Silva Motta dos Santos, Nathalia Pereira Danezzi e Bruna Bergamaschi Tavares.

Leia Mais →

Eleição virtual no IAB RS será neste sábado (26/11)

A Assembleia Geral Ordinária de Eleições para o triênio 2023/2025, que vai definir a nova diretoria do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento do Rio Grande do Sul (IAB RS), ocorrerá de forma virtual, no sábado dia 26 de novembro, das 9h às 21h. Vale lembrar que apenas associados arquitetos e urbanistas, em dia com a entidade, poderão participar do processo eleitoral. Também informamos que os núcleos do IAB RS no interior do Estado terão acesso somente a sua plataforma local.

Leia Mais →

Aos 96 anos, o arquiteto Emil Bered lança seu primeiro livro

Autor de várias edificações icônicas da paisagem urbana de Porto Alegre e do interior do Rio Grande do Sul, o arquiteto ex-presidente do IAB RS Emil Bered, de 96 anos, lança seu primeiro livro que apresenta a trajetória profissional e acadêmica, além de oferecer relatos, imagens e emoções de sua vida pessoal, associados a depoimentos de familiares e colegas de profissão. Será na quarta-feira (23/11), às 18h30min, no saguão da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFRGS.

Leia Mais →

Outras Notícias

Skate, estruturas e ATHIS são destaque no segundo dia da Trienal

O segundo dia da Trienal de Arquitetura e Urbanismo deu início às atividades no Multipalco do Theatro São Pedro. Na rua, os termômetros marcavam 30º, mas a sede do público era apenas por conhecimento. Os temas principais da quinta-feira rodearam os universos do ensino, das estruturas arquitetônicas, da inovação, e claro, da Assistência Técnica para Habitação de Interesse Social (ATHIS).

Leia Mais →

Solar do IAB RS recebe programação da Trienal de Arquitetura e Urbanismo

Porto Alegre acordou ensolarada para a abertura da Trienal de Arquitetura e Urbanismo, uma realização do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU/RS). Entre os dias 16 e 19 de novembro, a capital gaúcha sediará um grande evento – gratuito – não apenas para profissionais e estudantes de Arquitetura e Urbanismo, mas para todos os que amam e vivem a cidade, a cultura e a arte.

Leia Mais →