Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Comissões discutem transporte hidroviário no Guaíba

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O transporte hidroviário na Capital foi o tema de reunião das comissões de Saúde e Meio Ambiente (Cosmam), Economia, Finanças, Orçamento e do Mercosul (Cefor) e Urbanização, Transportes e Habitação (Cuthab) da Câmara Municipal de Porto Alegre, nesta terça-feira.

O presidente da Cuthab, vereador Pedro Ruas (PSOL), autor da lei nº 6384 de 1989 –promulgada pelo então prefeito Olívio Dutra –, que tinha como objetivo implantar o transporte hidroviário coletivo de passageiros no Guaíba, afirmou que, na época, a grande briga foi com a Associação dos Transportadores de Passageiros (ATP), que detinha o poder das concessões. “O transporte hidroviário não substitui o transporte convencional, porém uma das vantagens é a manutenção mais barata da embarcação, pois a estrutura hidroviária não precisa de reparos diários”, alega Ruas.

Viagem experimental
O diretor da EPTC, Carlos Alexandre Ávila, declarou que já na primeira viagem experimental de catamarã, solicitou ao prefeito a formação de uma comissão de trabalho para o detalhamento dos temas que envolvem todo o processo de implantação do transporte hidroviário no Guaíba. “Esse processo envolve mudanças de modal, alternativas de atracadouros e estudo da distância a ser percorrida. É preciso adequar a lei para esse novo transporte”, afirma Ávila.

O diretor de Transportes da Metroplan, Marcus Damini, informou que já estão sendo realizadas reuniões com a EPTC para a implantação do transporte hidroviário. “Dependemos de verbas para os trabalhos de dragagem do Guaíba, cálculos do calado necessário para a navegação, entre outros.”

Estudo do sistema hidroviário
Para o superintendente de Portos e Hidrovias do Estado, Vanderlan Vasconselos, é preciso buscar alternativas para a implantação do transporte hidroviário na Capital, “o que é um desafio”. Segundo ele, este trabalho demanda de uma série de estudos. “Precisamos ter conhecimento do rio e suas condições de navegabilidade, ter um estudo do clima da região, saber o material que está depositado no fundo do rio (pode ser cascalho, areia ou terra). Precisamos de radares, GPS, iluminação e a criação de carta náutica. E não existe previsão orçamentária para tudo isso. Só com vontade política teremos um transporte hidroviário”, argumentou.

Ficou definido na reunião que Vasconselos retornará ao Legislativo para apresentar um vídeo com todo o mapa hidroviário do Estado. A partir daí, as comissões farão novas reuniões a fim de formatar uma proposta concreta a ser encaminhada à Prefeitura e ao governo do Estado, com um plano unificado da Câmara Municipal sobre a melhor maneira de implantar o sistema de transporte hidroviário da Grande Porto Alegre.

Participaram da reunião os vereadores Idenir Cecchim (PMDB) João Antonio Dib (PP), Carlos Todeschini (PT), Engenheiro Comasseto (PT) Aldacir Oliboni (PT). Dr. Raul Torelly (PMDB), Dr. Thiago Duarte (PDT), João Carlos Nedel (PP), Beto Moesch (PP), Toni Proença (PPS), Fernanda Melchionna (PSOL), Mário Manfro (PSDB) e Mauro Pinheiro (PT) além do secretário Municipal de Acessibilidade Paulo Brum, do coordenador de Planejamento Operacional da Metropan Jacson Lopes e do assessor parlamentar da EPTC Celso Pitol.

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Na mídia: “Depois de construído, é difícil reverter”: o que dizem especialistas sobre mudanças na fachada do Pontal Shopping

Especialistas em urbanismo avaliam que a readequação da fachada da loja Leroy Merlin, no Pontal Shopping, na zonal sul de Porto Alegre, traz pequenas melhorias no visual e no microclima, mas não resolve o problema de sua construção ter se tornado uma barreira à contemplação e à conexão da Avenida Padre Cacique com a orla do Guaíba. Em entrevista ao jornal Zero Hora, a co-presidente do IAB-RS, Clarice Oliveira, ressalta que “Uma parede verde de plantas naturais é positiva porque vai diminuir o calor naquele microclima, com menos concreto. Vai ficar mais agradável, mas continuará sendo um paredão sem interface com o outro lado. Não vai deixar de ser uma barreira”.

Leia Mais →

NOTA PÚBLICA SOBRE OS PROCESSOS DE IMPUGNAÇÃO NAS ELEIÇÕS PARA O CMDUA.

O IAB-RS expressa preocupação em relação à ausência de registro dos pedidos de impugnação apresentados pelo instituto no âmbito do processo eleitoral das entidades de classe ligadas ao planejamento urbano no Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano e Ambiental (CMDUA). Conforme o cronograma estabelecido no edital 006/2023, utilizando os critérios estipulados no item 2.11 do referido edital, foi emitido um documento elencando 23 entidades que não demonstram caráter de atividades relacionadas ao planejamento urbano. Isso ocorreu após análise apropriada e indicação da regularidade dessas entidades para participação nas eleições do CMDUA.

Leia Mais →

Arquitetos vencedores do concurso de requalificação do Lago Joaquina apresentam projeto

Na tarde desta quarta-feira (10), os arquitetos e urbanistas do escritório OCRE, vencedores do Concurso Público Nacional de Arquitetura da Paisagem para Requalificação do entorno do Lago Joaquina Rita Bier, receberam a premiação de R$50 mil, assinaram o contrato de realização do projeto executivo e apresentaram a proposta vencedora para membros da Administração Municipal e comunidade.

Leia Mais →

Outras Notícias

Revelados os vencedores do Prêmio IAB-RS etapa estadual

Durante a Noite da Arquitetura, evento promovido pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Rio Grande do Sul (CAU/RS), foram revelados os vencedores do prêmio IAB-RS José Albano Volkmer para as turmas de 2022. O evento foi marcado, também, pela posse do conselho do CAU/RS para o triênio 2024-2026.

Leia Mais →

IAB-RS assina acordo para consultoria no programa RS Seguro COMunidade

O Governador do Estado, Eduardo Leite, lançou, na manhã do dia 15 de dezembro, o programa RS Seguro COMunidade, no Palácio Piratini, em Porto Alegre. Desenvolvido no âmbito do RS Seguro, a iniciativa integra o eixo voltado para políticas sociais preventivas e transversais, cujo foco de atuação são os territórios em situação de vulnerabilidade socioeconômica e com indicadores elevados de crimes violentos letais e intencionais, consumados ou tentados. O o IAB-RS realizará três concursos nacionais, em que serão selecionados projetos urbanísticos integrados para três localidades: Umbu, Rubem Berta e Santa Tereza.

Leia Mais →

ARQUITETOS DE PORTO ALEGRE VENCEM CONCURSO QUE IRÁ REQUALIFICAR LAGO JOAQUINA RITA BIER EM GRAMADO

Na noite desta quarta-feira (13/12) foi realizada em Porto Alegre a cerimônia de divulgação dos vencedores do “Concurso Público Nacional de Arquitetura da Paisagem para Requalificação do entorno do Lago Joaquina Rita Bier em Gramado, RS”, promovido pela Prefeitura Municipal de Gramado (RS) com organização do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento do Rio Grande do Sul (IAB-RS) e apoio da Associação Brasileira de Arquitetos Paisagistas (ABAP) e do IAB-RS Núcleo Hortênsias. Os grandes vencedores da noite foram os arquitetos e urbanistas Thiago Yuuki Kajiwara, Ananda Maciel Oliveira e Diego Flamia, do escritório OCRE Arquitetura, de Porto Alegre.

Leia Mais →

Prêmio IAB-RS recebe inscrições até o dia 13 de dezembro

Arquitetos e urbanistas das turmas de 2022 têm até as 23h59 do dia 13 de dezembro para inscrever o seu trabalho de conclusão de curso (TCC) no prêmio IAB-RS José Albano Volkmer, edição 2023. A iniciativa, concebida em parceria com o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Rio Grande do Sul (CAU/RS), premiará as ideias mais inovadoras e seus projetos inspiradores.

Leia Mais →