Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Conheça os vencedores e as propostas apresentadas no Concurso para a Sede Administrativa da Câmara Municipal de Porto Alegre

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
A partir do momento da divulgação do resultado das equipes vencedoras, realizada no dia 13 de novembro, foi aberta a exposição de todos os trabalhos julgados no Concurso Público Nacional de Arquitetura para a escolha do melhor Projeto Arquitetônico Sede Administrativa da Câmara Municipal de Porto Alegre. Os trabalhos estão expostos no Espaço Cultural Tereza Franco, no 2º piso da Casa. São 52 trabalhos vindos de várias partes do Brasil, que podem ser conferidos pelo público até 27 de novembro.
No total foram inscritas 70 equipes para realização do estudo preliminar, distribuídas em todas as regiões do país:
A previsão do Legislativo é de contratar a equipe vencedora para a realização do projeto executivo ainda este ano. A reforma ainda possibilitará a melhor ocupação do prédio principal, com a ampliação dos gabinetes dos vereadores, melhor atendimento ao público e maior produtividade, com novos recursos tecnológicos que, devido à superlotação, não é possível disponibilizar.
Todas as informações dos vencedores, bem como todas as pranchas das propostas apresentadas podem ser conferidas através do site oficial do concurso: iabrs.org.br/concursocamarapoa
Confira abaixo os projetos premiados e suas equipes:
1º Lugar – Daniel Corsi da Silva – São Paulo SP
Corsi Hirano Arquitetos Associados Ltda.
Coautores:
Arq. Dani Hirano
Arq. André Biselli Sauaia
Arq. Laura Paes Barretto Pardo
Colaboradores:
Fabio Carneiro
Thiago Maurelio
Consultores:
Eng. Ricardo Zulques (Orçamento)
Foto da Equipe:

Foto da proposta:

Breve descrição da proposta:
“É a partir da Ordem que se pode alcançar uma força criativa e um poder crítico capazes de originar o desconhecido. (…) Esse é o princípio da Forma: algo que diferencie uma existência da outra através da harmonia de seus sistemas. Assim, revelar-se-á a Beleza.” (Louis I. Kahn)
Arquitetura, Cidade e Bem-Estar:a nova Sede Administrativa da Câmara Municipal de Porto Alegre se apresenta como uma oportunidade de unirmos estes fundamentos urbanos.Mais do que um complexo arquitetônico, o que este projeto propõe é um diálogo entre tempos e espaços – naturais e artificiais, modernos e contemporâneos – de modo a construirmos um novo lugar de encontro para seus cidadãos.
Através de um ato preciso, buscou-se uma unidade integradora dos principais elementos de seu contexto: a arquitetura do Palácio Aloísio Filho, a paisagem do Parque Mauricio Sirotsky Sobrinho e o significado da Câmara ali abrigada. Assim, uma ordem fundamental se fez presente em todos os âmbitos de sua concepção: o espacial, o estético e o tectônico. Uma arquitetura simples e confortável que visa, sobretudo, o bem estar daqueles que a habitam. Uma expansão física e simbólica do Poder Legislativo do Município, apresentando-se respeitosamente à Cidade e à sua própria História.
Considerando a importância da arquitetura do Palácio Aloísio Filho e o valor de seus preceitos modernos, o projeto reflete diretamente sua racionalidade e austeridade – lições atemporais e de irrefutável coerência com a nova Sede Administrativa. A concepção do projeto se fundamenta por uma ordem modular rigorosamente estabelecida de modo a se harmonizar com o edifício principal e fazer da sua construção um sistema inteligente e harmônico em prol de seus servidores. Assim, sua arquitetura não busca significar mais do que a atual Câmara, mas sim respeitá-la em todos seus princípios, evidenciando-a de maneira complementar na paisagem e no dia-a-dia de seus usuários. Como uma forma que se expande do palácio por um eixo monumental, sua ordem estrutura cheios, vazios, alas, funções e linguagens. O percurso original é potencializado como um passeio exterior que exalta a presença do palácio e que, ao cruzar o novo edifício, culmina numa praça elevada estendida sobre o horizonte.
O terreno da nova Sede possui a singularidade de poder acolher simultaneamente parte da instituição e da paisagem envolvente. Assumindo a Avenida Clébio Sória como o elemento ordenador do projeto, seu prolongamento passa a articular as atividades da Câmara e originar uma nova paisagem urbana de encontro e contemplação, tanto dos edifícios como do Parque vizinho. O pavimento térreo proveniente do edifício principal se preserva como espaço monumental, levando os usuários ao novo edifício cuja atmosfera neste ponto é idealizada como uma transição entre o construído e o natural. Por meio de vazios, jardins e visuais do Guaíba é criado um espaço versátil tanto para o trabalho como para a cultura, além da ampliação das áreas verdes da cidade. Um volume aéreo se acomoda sobre esta base pública cuja leve graduação espacial entre parque e construção é protegida por sua própria sombra. Através de sucessivas atmosferas de luz e sombra é criada uma pausa para as atividades e um desfecho para o expressivo percurso moderno existente. Este mesmo volume superior também estabelece sua relação com a paisagem evidenciando-se como um novo marco no horizonte. Um prisma horizontal de luz sobre a natureza cuja expressão também é trabalhada de modo a revelar sua presença no entorno de modo sóbrio e expressivo. Em seu interior, as áreas de trabalho contemplam as visuais e fazem com que a Câmara se estenda simbolicamente pela paisagem.
 2º Lugar – João Gabriel Rosa Cordeiro – Curitiba PR.

Estúdio 41 Arquitetura SS LTDA
Coautores:
Arq. Dario Corrêa Durce
Arq. Emerson Vidigal
Arq. Eron Costin
Arq. Fabio Henrique Faria
Colaboradores:
Arq. Martin Kaufer Goic
Acad. Marcelo Miotto
Foto da Equipe:

Foto da proposta:

3º Lugar –  Ricardo Felipe Gonçalves – São Paulo SP.
Alves & Gonçalves Arquitetura e Urbanismo Ltda.
Coautores:
Arq. Matheus Marques Rodrigues Alves
Colaboradores:
Estag. Gabriela Lira Dal Secco
Arq. Marcus Rosa
Consultores:
BAC Engineering Consult (estruturas e instalações)
Foto da Equipe:

Foto da proposta:

4º Lugar – Eder Rodrigues de Alencar – Brasília DF.
Arqbr Arquitetura e Urbanismo Eireli
Coautores:
Arq. André Velloso Ramos
Arq. Rafaella Vieira
Arq. Paulo Victor Borges Ribeiro
Colaboradores:
Pedro de Miranda Santos
Consultores:
Arq. Juliana Andrade
Foto da Equipe:

Foto da proposta:

5º Lugar –  Isabela Maria Fiori – Curitiba PR
Julio Cesar Fiori e Cia Ltda.
Coautores:
Arq. Luiz Gustavo Grochoski Singeski
Colaboradores:
Arq. Herminio Pagnoncelli
Foto da Equipe:

Foto da proposta:

Além dos 5 projetos premiados, a Comissão Julgadora ainda destacou 5 projetos dignos de Menção Honrosa, apresentados abaixo:
Menção Honrosa – Adriana Silva da Silva – Canoas, RS
Silva e Fiorentin Arquitetura e Engenharia Ltda.
Coautores:
Tec. Edificações Diego Augusto Müller
Tec. Edificações Felipe Andreolli Federizzi
Arq. Patricia Freitas Nerbas
Arq. Tiago Viegas Costa
Eng./Arq. Valdir Bandeira Fiorentin
Colaboradores:
Acad. Adm. Luzia Ligocki
Tec.Edificações Paulo Henrique Souza
Designer Rafael Tesser
Foto da Equipe:

Foto da proposta:

Menção Honrosa – Marcio Roberto Braun – Estrela, RS
Marcio Braun Arquitetura e Projetos Ltda.
Coautores:
Arq. Gabriel Johansson Azeredo
Arq. Marcos Vinícius Britto
Arq. Rafael Veloso Lima
Colaboradores:
Acad. Arq. Gabriel Leivas Waquil
Acad. Arq. Pedro Paulo Leggerini
Consultores:
Eng. Maria Regina Costa Leggerini (est. e inst.)

Foto da Equipe:

Foto da proposta:

Menção Honrosa – Julio Pablo Pereyra Segovia – Porto Alegre, RS
Nouveau Arquitetura e Construção Ltda.
Coautores:
Arquiteta Alicia Puentes Endere
Arquiteta Jimena Sellanes Curbelo
Arquiteto Martin Lafourcade Calle
Arquiteto Martin Larroza
Colaboradores:
Acadêmico Orlando Gil (Imagens Renderizadas)
Consultores:
Eng. Aloísio Maggi Fin (Estruturas – Inst. Hidra.)
Eng. Gonçalo Moacir Silva Abbad (Inst.Elétricas)
Eng. Gustavo Michelena (Inst. Ar Cond. Climat)
Foto da Equipe:

Foto da proposta:

Menção Honrosa – Fabiano José Arcadio Sobreira – Brasília, DF
MGS Consultores Associados
Coautores:
Arq. Elcio Gomes da Silva
Colaboradores:
Arq. Bruno Oliveira
Foto da Equipe:

Foto da proposta:

Menção Honrosa – Mirian Aparecida Paganotti Sevegnani – São Paulo, SP
Epime Engenharia Eletrica Arquitetura e Construções
Coautores:
Arq. Anariá Reis Ladeira
Arq. André Di Gregorio
Arq. Henrique Menezes
Arq. Sergio Vieira
Arq. Rodrigo Maçonilio
Colaboradores:
Arq. Inah Prado Nassu
Beatriz Rocha
Foto da Equipe:

Foto de proposta:

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

Outras Notícias