Receba Newsletter

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Lançado concurso de arquitetura para transformação de espaços históricos em cinco cidades do RS

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Com foco na seleção de cinco projetos arquitetônicos, o governo do Estado lançou nessa segunda-feira (25) a segunda etapa do programa Iconicidades. A iniciativa elegerá as melhores propostas de transformação de espaços públicos em locais de estímulo à economia criativa.Na primeira etapa, realizada em setembro do ano passado, foram selecionados os municípios contemplados: Pelotas, Rio Grande, Santa Maria, Cachoeirinha e São Leopoldo. Agora, os vencedores terão o projeto custeado pelo Estado. A ideia é revitalizar prédios históricos, aliando cultura, tradição e empreendedorismo no novo uso dos imóveis (veja abaixo os prédios, as datas de inscrição e os valores de cada projeto).

Os editais obedecerão a um escalonamento, sendo publicados a partir desta segunda (25) e até o dia 11 de maio. O regramento e o andamento dos concursos podem ser acompanhados por meio do site do Iconicidades.

O concurso irá premiar os três primeiros colocados com R$ 20 mil, R$ 15 mil e R$ 10 mil, respectivamente. O autor do projeto campeão também será contratado para realizar os projetos executivo e complementares, em valores que variam de R$ 580 mil a R$ 749 mil.

 

Os critérios do concurso foram estipulados pelo Estado, em parceria com as prefeituras e o departamento gaúcho do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB/RS). Já a escolha das propostas vencedoras ficará a cargo de comissões julgadoras formadas por arquitetos independentes. Nos casos de Santa Maria e São Leopoldo, por se tratar de bens tombados pelo Estado, haverá participação de especialistas na área indicados pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado do Rio Grande do Sul (Iphae).

 

“Todos esses municípios têm bonitas histórias e, com esses projetos, temos condições de resgatá-las. O Iconicidades está dentro do programa Avançar, que investirá R$ 6,3 bilhões em todas as áreas. Se falássemos disso há três anos, não acreditariam que chegaríamos a esse ponto, e o Iconicidades é mais um desses resultados. É mais uma forma de o Estado apoiar os municípios, estimulando o empreendedorismo, a inovação e a permanência dos gaúchos em nosso Estado. Além disso, ao revitalizar áreas importantes nessas cidades, também estamos promovendo mais segurança à comunidade”, disse o governador Ranolfo Vieira Júnior.

 

Além da importância dos cinco concursos no âmbito do Iconicidades, o presidente do IAB RS, Rafael Pavan dos Passos, ressaltou o intercâmbio de expertise em organização de concursos de projetos junto à CELIC, o qual tem o potencial de tornar sua realização uma prática no Estado do Rio Grande do Sul. Ele aproveitou para lembrar que o RS já teve legislação específica para o tema. “Nos anos 1950 e 1960, os concursos eram promovidos pelo Governo do Estado, assim, o Palácio da Justiça e a sede da Assembleia Legislativa foram objeto de concurso”, destacou Passos.- O programa buscou espaços que podem ser recuperados, revitalizados. Mais que só uma renovação, que eles sejam também espaços de colaboração, de integração das nossas comunidades. A vida acontece nas cidades. Nossa expectativa é poder contar com propostas de intervenção de elevadíssima qualidade técnica e criativa, na medida em que profissionais de todo o país poderão participar dos concursos – afirma o secretário de Planejamento Governança e Gestão, Claudio Gastal.

“Cada concurso terá duração de cerca de 60 dias, que é o prazo que os escritórios têm para se inscrever e apresentar seus estudos preliminares. Após as sessões de julgamento pelas bancas, serão conhecidos os vencedores, que receberão a premiação de primeiro lugar e ainda serão contratados pelo governo do Estado para a realização dos projetos executivos e complementares”, explica o diretor-geral do Escritório de Desenvolvimento de Projetos (EDP), Hiparcio Stoffel.

Projeto IconicidadesLançado em junho de 2021, o Iconicidades tem como objetivo fazer frente ao desafio de tornar as cidades gaúchas mais empreendedoras, inovadoras e criativas e estimular a retomada e a revitalização de espaços arquitetônicos para estabelecimento de novos negócios.

Na primeira fase, um edital de chamamento aos municípios se encerrou com cinco cidades contempladas: Pelotas, Rio Grande, Santa Maria, Cachoeirinha e São Leopoldo. Os critérios foram engajamento e interesse do gestor local, existência de iniciativa prévia que se adaptasse ao projeto, sustentabilidade, desenvolvimento socioeconômico e complexidade.

Nesta segunda etapa, serão executados cinco concursos públicos de arquitetura, para selecionar a melhor proposta para cada local indicado. O governo do Estado contratará as equipes vencedoras para realização dos projetos executivos e complementares. Depois disso, os municípios receberão os projetos completos para então cumprirem com a contrapartida de execução das intervenções propostas e implementação das iniciativas.

Objetos dos concursos

PELOTAS – Centro de Gastronomia
Proposição de edificação anexa à antiga sede do Banco do Brasil – prédio tombado pelo Iphan – e plano de ocupação da antiga sede a fim de que o conjunto contemple um Centro de Gastronomia.
Publicação do edital: 25 de abril

RIO GRANDE – Ecoparque Turístico Molhes da Barra
Qualificação e preservação paisagística de zona de proteção ambiental por meio da criação do Ecoparque Turístico Molhes da Barra, dotando o espaço de infraestrutura voltada ao turismo.
Publicação do edital: 27 de abril

SANTA MARIA – Clube dos Ferroviários: Centro de Inovação e Economia Criativa
Requalificação do antigo Clube dos Ferroviários, por meio da recomposição da volumetria da edificação, tombada pelo Iphae, do restauro de elementos tombados, e da proposição de novas edificações anexas.
Publicação do edital: 29 de abril

CACHOEIRINHA – Complexo Casa de Cultura
Requalificação da Casa de Cultura Demósthenes Gonzalez, por meio da melhoria dos espaços da edificação histórica, complementada pela proposição de nova(s) edificação(s), e requalificação das avenidas Beira-rio e general Flores da Cunha, no trecho junto à casa.
Publicação do edital: 9 de maio

SÃO LEOPOLDO – Complexo Casa da Feitoria/Museu do Imigrante
Constituição de um complexo cultural englobando a reconstrução do setor que ruiu e o restauro do espaço da Casa da Feitoria/Museu do Imigrante – tombada pelo Iphae –, proposição de edificação anexa, tratamento paisagístico da área adjacente e elaboração de diretrizes para um futuro parque no qual estará inserido o conjunto.
Publicação do edital: 11 de maio

Crédito Fotos: Guilhermo Gil

Por: Diretoria Instituto de Arquitetos do Brasil - IAB

Outras Notícias

IAB RS elege nova direção para o triênio 2023/2025

O Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento do Rio Grande do Sul (IAB RS) elegeu no último sábado (26/11) a nova direção da entidade para o triênio 2023-2025. Foi eleita a chapa única denominada “IAB Cidade, Cultura e Sociedade”, encabeçada pela nova presidente do IAB RS,  Clarice Mizocsky de Oliveira. A arquiteta e urbanista divide a presidência com mais três lideranças femininas que integram a gestão compartilhada: Paula Silva Motta dos Santos, Nathalia Pereira Danezzi e Bruna Bergamaschi Tavares.

Leia Mais →

Eleição virtual no IAB RS será neste sábado (26/11)

A Assembleia Geral Ordinária de Eleições para o triênio 2023/2025, que vai definir a nova diretoria do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento do Rio Grande do Sul (IAB RS), ocorrerá de forma virtual, no sábado dia 26 de novembro, das 9h às 21h. Vale lembrar que apenas associados arquitetos e urbanistas, em dia com a entidade, poderão participar do processo eleitoral. Também informamos que os núcleos do IAB RS no interior do Estado terão acesso somente a sua plataforma local.

Leia Mais →

Aos 96 anos, o arquiteto Emil Bered lança seu primeiro livro

Autor de várias edificações icônicas da paisagem urbana de Porto Alegre e do interior do Rio Grande do Sul, o arquiteto ex-presidente do IAB RS Emil Bered, de 96 anos, lança seu primeiro livro que apresenta a trajetória profissional e acadêmica, além de oferecer relatos, imagens e emoções de sua vida pessoal, associados a depoimentos de familiares e colegas de profissão. Será na quarta-feira (23/11), às 18h30min, no saguão da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFRGS.

Leia Mais →

Outras Notícias

Skate, estruturas e ATHIS são destaque no segundo dia da Trienal

O segundo dia da Trienal de Arquitetura e Urbanismo deu início às atividades no Multipalco do Theatro São Pedro. Na rua, os termômetros marcavam 30º, mas a sede do público era apenas por conhecimento. Os temas principais da quinta-feira rodearam os universos do ensino, das estruturas arquitetônicas, da inovação, e claro, da Assistência Técnica para Habitação de Interesse Social (ATHIS).

Leia Mais →